Anúncios

Céu do fim de tarde em Porto Alegre neste sábado com nuvens muito carregadas que precederam chuva intensa com muitas trovoadas no começo da noite na Capital | Rafael Breda

Chuva excessiva, muitos raios e granizo isolado. Este é o resumo deste sábado na região metropolitana de Porto Alegre em dia quase inteiramente marcado pela forte instabilidade decorrente de uma frente quente que começou a se formar ainda durante a madrugada no Rio Grande do Sul.

Os acumulados de chuva deste fim de semana serão altíssimos em Porto Alegre e outras cidades da região metropolitana. Já neste momento são muito altos e devem aumentar ainda mais com a manutenção da chuva nesta noite e a persistência do quadro de tempo instável neste domingo.


Os volumes de chuva registrados até o começo desta noite (19h) chegavam a 72 mm em alguns bairros de Porto Alegre. A maior parte da Capital estava com acumulados de precipitação entre 50 mm e 70 mm desde que começou a chover no final da madrugada de hoje. Significa que em cerca de doze horas choveu a metade da média histórica do mês de junho que é de 132,7 mm (série histórica 1961-1990), a terceira mais alta entre todos os meses do ano.

Na Grande Porto Alegre, os volumes de chuva igualmente foram muito altos entre o final da madrugada deste sábado e as 19h de hoje. Estações meteorológicas da MetSul e do Centro Nacional de Previsão de Desastres registraram 70 mm em Viamão, 58 mm em Alvorada, 57 mm em Canoas, 50 mm em Cachoeirinha, 48 mm em Campo Bom, 47 mm em Eldorado do Sul, 45 mm em Gravataí, 44 mm em Novo Hamburgo e 37 mm em Sapucaia do Sul. Os mais altos volumes, assim, se concentraram na parte mais ao Sul da Grande Porto Alegre, em torno da Capital, exatamente como os modelos numéricos da MetSul indicavam.

Raios e granizo

A chuva em Porto Alegre e outras cidades da região neste sábado veio com muitos raios. Foram dois temporais com chuva torrencial e ocorrência de muitas descargas elétricas. O primeiro ao amanhecer que fez com que o que dia tardasse a clarear e o segundo no final da tarde e no começo da noite que determinou um anoitecer antecipado na Capital pelas nuvens muito carregadas no céu.

A MetSul observou granizo isolado em alguns bairros de Canoas e teve relatos do fenômeno em pontos localizados da Capital e outras cidades da área metropolitana. Já o vento foi predominantemente fraco, mas soprou com algumas rajadas acompanhando a chuva intensa do final da tarde e do início da noite deste sábado.

Previsão é de mais chuva

A MetSul antecipa que a previsão é de mais chuva para Porto Alegre e região durante as próximas horas. A noite deste sábado seguirá com chuva persistente e em alguns instantes moderada a forte.


O domingo deve ter tempo chuvoso ao menos em parte do dia com uma frente agora fria sobre o Rio Grande do Sul. Todos os modelos indicam chuva na primeira metade do dia, podendo ainda ser forte, mas alguns sinalizam a instabilidade diminuindo ou cessando na segunda metade do domingo, caso do modelo alemão. O WRF, por sua vez, indica chuva durante quase todo o domingo na área da Capital.

Com mais de 70 mm já acumulados, a manutenção da chuva nesta noite e a tendência de mais chuva ainda durante o domingo, a MetSul entende que é absolutamente factível que Porto Alegre supere a marca dos 100 mm de precipitação neste fim de semana, o que é um volume acima da projeção da maioria dos modelos que indicavam 75 mm a 100 mm para este fim de semana na área da Capital.

Anúncios