Anúncios

Roger Bean/CBS42

Onda de tornados atingiu entre quarta-feira e hoje estados do Sul norte-americano e deixou saldo de destruição. Os estados mais afetados foram Alabama e Mississipi.

Ao longo da quinta-feira, as tempestades se deslocaram para os estado das Carolinas do Sul e do Norte, além da Flórida. 

As equipes do Serviço Nacional de Meteorologia (NWS), dos Estados Unidos, passaram esta quinta-feira avaliando os estragos deixados. 

O balanço de 24 horas entre 7h de quarta e 7h de hoje indicou 369 relatos de tempo severo no Sul norte-americano. 

Houve 178 relatos por vento destrutivo, 73 por inundações, 92 em razão de granizo e 26 por tornados. 

Foram emitidos em 24 horas 237 alertas, sendo 92 apenas de tornados pelo serviço meteorológico. 

Ao menos duras pessoas ficaram feridas depois de um tornado no Sudoeste do estado do Alabama. Aulas foram suspensas em escolas primárias e em universidades.

As tempestades severas destruíram casas e prédios principalmente em áreas rurais, poupando as grandes cidades do Sul norte-americano. 


Época de risco

Com o começo da denominada primavera climática em março, aumenta a frequência de tempo severo no país. O período, historicamente, mais crítico para tornados vai de abril a junho. 

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Neste ano, com a presença do fenômeno La Niña no Pacífico, cresce o risco de tempestades e de ondas de tornados nas Planícies Centrais e no Sul norte-americano. 

Anúncios