Anúncios

Fortes tempestades de vento e granizo castigaram a Patagônia argentina nas últimas horas. Os temporais, sob uma massa de ar mais quente atuando na região, foram intensos em algumas localidades patagônicas.

Uma intensa e breve queda de granizo com duração de dez minutos pegou de surpresa os moradores da cidade de Neuquén. As pedras de gelo caíram nas áreas Centro e Sul da cidade, mas sem registro de chuva. Os motoristas dirigiam desesperados para encontrar uma cobertura para se abrigar. Os postos de combustíveis ficaram lotados enquanto se ouvia o som que provocava a queda do granizo na estrutura de chapa que os protegia.

O temporal de granizo foi muito forte na localidade de Choele Choel, em Rio Negro. As pedras de gelo vieram acompanhadas de rajadas de vento e chegaram a acumular no solo.

A instabilidade não vai se resumir à Patagônia. Com o deslocamento de uma frente fria, chuva e temporais isolados devem avançar para o Centro da Argentina.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

A MetSul desde já adverte que o fim de semana terá chuva, isoladamente forte a intensa, e temporais localizados nos três estados do Sul do Brasil. 

Anúncios