Anúncios

Frio marcou a tarde em Porto Alegre nesta quinta-feira pelo segundo dia seguido com marcas máximas muito abaixo da média do mês de junho na capital gaúcha. Madrugadas de sexta e sábado voltam a ter mínimas mais baixas na cidade com a redução da cobertura de nuvens. | ALEX ROCHA/PMPA

Quando o frio dá uma trégua? É uma semana de temperatura muito baixa no Rio Grande do Sul e tipicamente de inverno com registro de chuva e garoa em algumas regiões e marcas baixas nos termômetros em todas as cidades gaúchas. A massa de ar frio de origem polar trouxe 5,9ºC abaixo de zero na Serra do Sudeste na terça-feira e, dependendo da região, já são quatro dias seguidos com temperatura baixa o dia todo, mesmo durante a tarde, neste começo de junho gélido (ver a projeção para o mês)

Esta quinta-feira foi mais um dia em que os gaúchos enfrentaram frio madrugada, manhã, tarde e noite com o frio sem dar trégua em momentos algum, mesmo em cidade em que o sol se fez presente, como no Oeste, no Centro e no Sul gaúcho. No Norte e no Nordeste do Estado, onde a nebulosidade predominou e com chuva em alguns pontos, a quinta foi de pequena variação térmica e temperatura baixa o dia todo.


Em mais uma tarde fria, as máximas nesta quinta (até o fim da tarde) não superaram 6,2ºC em Canela, 6,6ºC em São José dos Ausentes, 7,6ºC em Bento Gonçalves, 8,2ºC em Serafina Correa, 8,4ºC em Soledade, 8,5ºC em Passo Fundo, 9,2ºC em Lagoa Vermelha, 10,2ºC em Vacaria, 10,4ºC em Erechim, 10,8ºC em Cruz Alta, 10,9ºC em Santo Augusto, 11,0ºC em Ibirubá, 11,3ºC em Tupanciretã e Frederico Westphalen, 11,4ºC em Teutônia, 11,5ºC em Encruzilhada do Sul, 11,6ºC em Caçapava do Sul, 12,1ºC em Bagé e 12,7ºC em Livramento.

Mais cedo, o Rio Grande do Sul teve o quarto dia seguido com temperatura abaixo de zero com -3,1ºC em Pinheiro Machado. A temperatura foi negativa no começo da quinta-feira ainda em outras cidades do Sul, onde o tempo estava aberto e seco que propiciou o forte resfriamento no período da noite. As mínimas foram mais altas no começo da quinta-feira no Rio Grande do Sul pelo enfraquecimento da massa de ar frio e, principalmente, pela presença de nuvens em quase todo o Estado, uma condição que era antecipada pela MetSul.


Mesmo assim, várias cidades registraram ainda marcas muito baixas, especialmente no Centro, no Oeste e no Sul que tinham tempo mais aberto e seco. Fez 0,9ºC em Jaguarão, 1,3ºC em Santana do Livramento, 1,7ºC em Encruzilhada do Sul, 2,2ºC em Quaraí e São Sepé, 2,6ºC tanto em Aceguá como em Piratini, 2,8ºC em Rosário do Sul, 3ºC em Júlio de Castilhos, 3,1ºC em São Gabriel, 3,3ºC em Cachoeira do Sul, 3,5ºC em Santa Vitória do Palmar, 3,7ºC em Rio Grande, e 3,9ºC em Santa Maria e Uruguaiana.

O frio prossegue. As madrugadas desta sexta e do sábado ainda serão de temperatura baixa e geada em diversas áreas. A nebulosidade diminui e a temperatura cai mais durante a madrugada em cidades que hoje tiveram muitas nuvens. Caso de Porto Alegre que nesta quinta teve uma temperatura mínima de 9,4ºC, após ter a mínima do ano na quarta, e deve amanhecer com 7ºC a 8ºC, mas com até 5ºC na área metropolitana. No interior, marcas negativas pelo quinto dia seguido na Serra do Sudeste e entre 0ºC e 3ºC na maior parte da Campanha e da fronteira com o Uruguai. No Centro do Estado, 5ºC na região de Santa Maria. Mesma marca prevista para pontos da Serra e Aparados.

A tarde desta sexta-feira ainda será de temperatura abaixo da média de junho no Rio Grande do Sul, mas menos fria que nos últimos dias com a presença do sol e o gradual enfraquecimento da massa de ar frio. Porto Alegre deve ter 15ºC a 16ºC durante a tarde. Na maior parte do interior gaúcho, os termômetros marcarão máximas de 13ºC a 16ºC. No Noroeste, aquece mais e haverá cidade com 17ºC a 18ºC no período da tarde.

Previsão de probabilidade de geada do modelo meteorológico canadense para o amanhecer desta sexta-feira | METSUL

Previsão de probabilidade de geada do modelo meteorológico canadense para o amanhecer do sábado | METSUL

O sábado ainda vai começar frio no Estado. Porto Alegre deve ter mínima em torno de 7ºC e na área metropolitana pode fazer 5ºC. No interior, o frio perde força na maioria das cidades. No Sul e na Campanha, marcas de 4ºC a 7ºC na maior parte dos municípios. No Centro gaúchos, os termômetros devem marcar de 4ºC a 6ºC. Nos Campos de Cima da Serra, 0ºC a 2ºC em alguns pontos. Nas áreas de Gramado, Canela e Caxias do Sul mínima de 2ºC a 4ºC. Embora o frio cedo, a tarde será amena e a maioria das cidades terá máximas à tarde perto ou ao redor de 20ºC.

No domingo, o frio alivia bastante. Com mais nuvens e ar menos frio, as mínimas se elevarão bastante na maioria das cidades, mas ainda serão baixas. A maior parte do Estado deve ter um amanhecer com 10ºC a 13ºC, inclusive Porto Alegre que pode registrar 11ºC a 12ºC. No decorrer do dia, a nebulosidade aumenta muito e o tempo se instabiliza com chuva na maioria das áreas do Estado, especialmente da tarde para a noite. Um centro de baixa pressão mantém o tempo instável na segunda com chuva forte em parte do Rio Grande do Sul.

O frio, então, vai dar lugar à chuva no começo da semana, o que impedirá noites muito frias, mas evitará também maior aquecimento. Com isso, as máximas ficarão abaixo da média do mês de junho, embora não se preveja que sejam muito frias pela ausência de ar polar atuando. Só no final da próxima semana existe a possibilidade de incursão de ar mais frio novamente no Rio Grande do Sul. Assim, haverá uma trégua do frio mais intenso por alguns dias, mas o “preço” será chuva.

Anúncios