Anúncios

Falou em Havaí, lembrou praia. Lembrou de North Shore e as big waves. Do surfe e Aloha. Neve não faz parte do imaginário do arquipélago, mas acontece. E foi o que ocorreu nesta semana, quando a neve cobriu uma pequena parte da Big Island. 


Os picos dos vulcões Mauna Kea e Mauna Loa do Havaí têm mais de 4 mil metros de altitude. Nesta época do ano, em especial, na presença de sistemas de instabilidade que trazem muita chuva para as áreas mais baixas, os dois picos às vezes acabam tendo queda de neve.

Foi o que ocorreu de segunda para terça-feira, quando uma frente fria ficou estacionária e produziu fortes chuvas em grande parte das ilhas. Inundações localizadas foram relatadas em partes de Maui, Molokai e Kauai. Uma estrada em Mauna Kea foi bloqueada depois do centro de visitantes (altitude de 3 mil metros) na terça-feira por causa das condições invernais de viagem perto do cume.

Mauna Kea e Mauna Loa são os locais mais comuns para ver neve no Havaí, mas às vezes a neve também cobre Haleakala em Maui. 


A neve ocorre com mais frequência no inverno nestas altitudes mais elevadas, mas os flocos podem cair em qualquer época do ano. Uma leve precipitação de neve foi observada em Mauna Kea em julho de 2015, logo no verão do Hemisfério Norte.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Com este registro de neve havaiana, neve cobriu partes de 49 dos 50 estados dos Estados Unidos em algum momento desde o começo do inverno climático. A Flórida é o único estado que não teve neve acumulada ainda nesta temporada.

Anúncios