Anúncios

Fronteira com o Uruguai teve frio na última madrugada do verão | Gil Tozzati Fernandes/Arquivo

A última madrugada do verão de 2022 e do dia que marca o começo do outono (veja a previsão para o outono) teve frio em diversas regiões do Rio Grande do Sul com marcas típicas de maio e outonais. As mínimas caíram abaixo dos 10ºC em algumas cidades, sobretudo da fronteira com o Uruguai, da Campanha e dos Aparados da Serra. Foram as menores mínimas do ano até agora em alguns municípios mais ao Sul gaúcho.

Estações do Instituto Nacional de Meteorologia registraram mínimas neste domingo de 7,9ºC em Jaguarão; 8,3ºC em São José dos Ausentes; 8,6ºC em Livramento; 9,5ºC em Cambará do Sul; 9,7ºC em Quaraí; 9,9ºC em São Vicente do Sul; 10,1ºC em Canguçu; 10,5ºC em Vacaria; 10,8ºC em Caçapava do Sul; 10,9ºC em Alegrete; 11,2ºC em Uruguaiana e Santa Maria; 11,9ºC em Santiago e Ibirubá; 12,1ºC em Capão do Leão e Encruzilhada do Sul; 12,4ºC em Cruz Alta e Lagoa Vermelha; 12,6ºC em São Gabriel, Palmeira das Missões, Tupanciretã e São Luiz Gonzaga; e 12,9ºC em Camaquã e Passo Fundo.


O amanhecer frio e com marcas muito abaixo das médias históricas do mês de março é consequência do ingresso de uma massa de ar frio que chegou ao Rio Grande do Sul entre o final da sexta-feira e o começo do sábado. Esta massa de ar frio, mesmo não sendo intensa, foi responsável por provocar a primeira neve do ano na quinta em Ushuaia, Terra do Fogo, na Argentina e trouxe temperatura ontem de 0ºC na província de Buenos Aires e de 5ºC na Grande Buenos Aires.

A previsão é de mais uma madrugada muito amena e até fria em diversas cidades nesta segunda-feira com mínimas novamente abaixo dos 10ºC em municípios da fronteira com o Uruguai, do Sul gaúcho e dos Aparados da Serra. Na Grande Porto Alegre, o amanhecer amanhã deve ter marcas ao redor dos 15ºC. Na maioria dos municípios do Estado, as mínimas tendem a se situar, de novo, entre 10ºC e 13ºC.


Anúncios