Anúncios

Câmeras do circuito interno de monitoramento registraram o momento em as instalações de uma imobiliária são atingidas pelo vento destrutivo durante o downburst que atingiu a cidade de Gravataí, na Grande Porto Alegre, na tarde do último dia 2. 

A força do vento fez com que as janelas da Schmitz Imóveis fossem destroçadas e a ventania acabou provocando outros danos nos escritórios da empresa. No vídeo, uma pessoa se joga ao chão para se proteger no momento em que os vídeos estouram com a violenta corrente descendente de vento. 


“O mais importante, a vida e a integridade física, foi preservada. Felizmente ninguém se feriu. Os nossos colaboradores conseguiram se proteger nos corredores e eu consegui entrar embaixo de um balcão, já que não foi possível sair da sala”,  disse o proprietário Fernando Wunderlich Schmitz.

O fenômeno responsável pelos danos em Gravataí foi um downburst, ou micro-explosão, conforme análise da MetSul Meteorologia. A tempestade causou destelhamentos e quedas de árvores, dentre outros danos. 


São correntes de vento violentas e descendentes que ao alcançar a superfície se espalham de forma radial, produzindo estragos. 

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

A força do vento neste tipo de fenômeno pode provocar danos comparáveis ao de um tornado com rajadas em alguns casos tão fortes quanto 150 km/h ou mais.

Anúncios