Anúncios

Um centro de baixa pressão se formou hoje sobre o Atlântico juntos aos litorais do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Assim como era antecipado pela MetSul, o sistema trouxe instabilidade para o Leste do Sul do Brasil com chuva em diferentes pontos e até alguns temporais isolados. 

Porto Alegre e outras cidades da área metropolitana tiveram chuva por vezes forte com raios e trovoadas ao amanhecer por conta de nuvens de maior desenvolvimento vertical (carregadas) isoladas, induzidas pelo centro de baixa pressão na costa. 


A chuva foi muito pouca em alguns pontos, mas, na Capital, chegou a 15 mm no Navegantes e 17 mm no bairro Auxiliadora. Choveu forte ainda em algumas praias do Litoral Norte gaúcho. 

Em Santa Catarina, estações em Florianópolis chegaram a ter 100 mm de chuva em poucas horas no final da segunda. Um temporal hoje com chuva de granizo e vento provocou queda de árvores na região de Santo Amaro. No Planalto Sul Catarinense, caiu granizo na área de São Joaquim. 

Granizo na tarde de hoje no Planalto Sul Catarinense | São Joaquim Online

Nesta quarta, o centro de baixa pressão segue atuando na costa do Sul do Brasil e ainda traz instabilidade isolada para o Leste do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e o Paraná. Em direção ao interior dos três estados, o tempo firme deve predominar com a infiltração de ar mais seco a Oeste do centro de baixa pressão. 

Isso vai favorecer um resfriamento maior durante a noite e maior aquecimento durante o dia. O amanhecer terá temperatura mais baixa e amena, mas, em razão da grande amplitude térmica, a temperatura se eleva rapidamente e a tarde será de calor. 


Já em cidades mais a Leste do Sul do Brasil, a temperatura se eleva menos, mas mesmo assim se aproxima dos 30ºC em alguns municípios.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Anúncios