Anúncios

deste domingo (13) com chuva torrencial, vento muito forte a intenso e muitos raios. A tempestade de aproximadamente meia hora provocou uma série de transtornos na Capital. O temporal atingiu a cidade toda com impactos nas zonas Norte, Leste, Sul e na área central de Porto Alegre como queda de árvores, alagamentos e falta de luz.

O vento chegou a 87 km/h na medição da Força Aérea Brasileira no Aeroporto Salgado Filho, na zona Norte da Capital, mas devido ao efeito da topografia e do afunilamento do vento pelas construções, é certo que algumas rajadas ficaram perto de 100 km/h em parte da cidade.

O temporal deixou 245 mil clientes, mais de meio milhão de pessoas, sem luz na área de concessão da CEEE com o maior número de unidades consumidoras atingidas por falta de energia na região metropolitana.

O temporal veio com chuva torrencial acompanhada de rajadas de vento. Taxas de chuva instantânea (não acumulado) chegaram a variar entre 200 mm/hora e 300 mm/hora no pior momento da tempestade na capital gaúcha. O céu escureceu pouco antes da chegada do aguaceiro e as rajadas de vento foram muito fortes durante a chuva torrencial.

Os acumulados de precipitação foram significativos em curto período. Os pluviômetros registraram em apenas uma hora 39 mm na Restinga, 37 mm na Cidade Baixa e 27 mm no Partenon. Na estação do Jardim Botânico do Instituto Nacional de Meteorologia foram 37 mm em uma hora. A média histórica de chuva de dezembro inteiro na Capital é de 101 mm. Isso significa que em alguns pontos de Porto Alegre choveu perto de 40% da média de chuva de todo o mês em apenas uma hora. O resultado foram alagamentos em diversos locais do Sul ao Norte da cidade.

O temporal ocorreu pela formação de fortes áreas de instabilidade associadas ao intenso calor e à umidade. As nuvens carregadas se formaram na região do Vale do Taquari e se deslocaram para Porto Alegre e região metropolitana. Fazia muito calor com alta umidade e abafamento, o que contribuiu para a severidade do temporal. As máximas do dia chegaram a 35,9ºC em Campo Bom e 34,2ºC em Porto Alegre.


Transtornos foram registrados em cidades vizinhas de Porto Alegre como Viamão e Eldorado do Sul, com falta de luz e queda de árvores. Houve alagamentos no Vale do Sinos após uma máxima de 35,9°C.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Anúncios