Anúncios

Tempestade de areia atingiu localidade do Paraguai na manhã desta terça-feira, dois dias depois de uma imensa tormenta de poeira ter provocado estragos e assustado a população de dezenas de municípios do interior de São Paulo e do Triângulo Mineiro, em Minas Gerais. A tempestade de areia da manhã de hoje ocorreu na localidade de Caapucu, no departamento de Paraguari, no Sul do território paraguaio.

No vídeo da tempestade de areia é possível observar como o dia virou noite com obscurecimento da luminosidade trazida pela nuvem de poeira que se instalou na localidade com as fortes rajadas de vento associadas a um temporal na região. Trata-se de um evento localizado e não pode ser comparado em dimensão com o do domingo no Sudeste do Brasil, quando um haboob avançou sobre uma enorme área de centenas de quilômetros.

O Paraguai, assim como o Centro-Oeste e o Sudeste do Brasil, enfrenta uma grande estiagem. Com a chuva escassa em muitas cidades, o solo está bastante seco e o vento forte acaba levantando uma nuvem de poeira. É o mesmo processo que levou à formação da gigantesca nuvem escura com areia no Sudeste brasileiro no último fim de semana. O Rio Paraguai, em Assunção, atingiu o menor valor de sua série histórica em Assunção na última semana.


NOAA

A tempestade de areia da manhã de hoje no Sul do Paraguai esteve associada a um sistema convectivo com um aglomerado de nuvens carregadas que se formou na região entre a madrugada e a manhã de hoje com a instabilidade que avançou sobre o Uruguai, o Nordeste da Argentina e o Rio Grande do Sul com chuva em diferentes pontos.

A tendência de chuva indica altos volumes de chuva para o Sul paraguaio nos próximos sete dias, o que deve aliviar a forte estiagem na região. O Norte do país, assim como ocorre hoje, deve ter menos chuva e persistir com um padrão de tempo seco e quente na maior parte desta semana.

Anúncios