Anúncios

Fabian Ribeiro

O Rio Grande do Sul não terá uma quinta-feira (28) tão instável como o dia de hoje (27), mas a MetSul Meteorologia adverte que parte do Estado segue sujeito a episódios isolados de chuva muito intensa e volumosa assim como ao risco de temporais localizados de vento forte.

Muitas nuvens persistem sobre o Rio Grande do Sul nesta quinta-feira e uma massa de ar quente e úmido de origem tropical mantém a instabilidade. O sol até deve aparecer em parte do dia em algumas regiões, especialmente no Oeste e no Sul que devem ter um dia sem chuva na maioria das cidades e instabilidade apenas isolada, se ocorrer.


O tempo estará mais instável do Centro para o Norte do Estado com chuva mais freqüente da tarde para a noite. Há risco nestas áreas de chuva isoladamente forte a torrencial com raios e rajadas de vento. Na área de Porto Alegre e na região metropolitana, chance de chuva a qualquer hora do dia e possibilidade ainda de pancadas localmente fortes a torrenciais com altos volumes em curto período.

Projeção de chuva para esta quinta-feira do modelo canadense

A abundante umidade com ar bastante quente deve favorecer chuva localmente intensa e temporais isolados também em Santa Catarina e no estado do Paraná. Pontos dos dois estados tiveram chuva forte e temporais localizados no decorrer desta quarta. Uma linha de instabilidade avançou do Paraguai e Misiones (Argentina) para o Oeste paranaense. Em Santa Catarina, a região de Florianópolis teve chuva forte localizada com raios.

A MetSul tem reiterado sistematicamente que este não é um evento de instabilidade de só um ou dois dias, como é o comum no verão gaúcho. Serão muitos dias seguidos em que o tempo vai estar instável no Rio Grande do Sul. Ao menos até o dia 5 de fevereiro não se espera que o tempo firme no Estado.


A chuva vai variar muito de um dia para o outro com mais chuva num dia em determinadas regiões e noutros em regiões distintas, mas a tendência é que daqui pra frente os maiores acumulados se concentrem na Metade Norte do território gaúcho com altos volumes em regiões como o Noroeste, o Alto Jacuí, Missões, Planalto Médio, Médio e Alto Uruguai, Serra, Campos de Cima da Serra, vales, Grande Porto Alegre e Litoral Norte.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Anúncios