Anúncios

Rio de Janeiro terá muita chuva, alerta a MetSul Meteorologia. Os acumulados de precipitação devem ser bastante altos com possibilidade de temporais, trazendo riscos e transtornos para a população fluminense.

Regiões como a Costa Verde (Angra dos Reis) e a cidade do Rio de Janeiro e sua área metropolitana têm alto risco de chuva por vezes forte a torrencial com altos volumes em curto período entre hoje (5) e amanhã (6). A Região Serrana também merece atenção. 


Podem ocorrer temporais com rajadas de vento e chuva em altíssimo volume em intervalo curto, o que agrava ainda mais o risco de inundações repentinas, alagamentos e deslizamentos de terra em morros e encostas com ameaça para a vida humana.

Uma frente fria associada ao ciclone extratropical na costa em Rio Grande do Sul atua no Sudeste do Brasil e uma massa de ar frio de trajetória oceânica avança para a região, estabelecendo-se uma convergência de umidade para o estado do Rio de Janeiro.


O ar úmido que vem do oceano ascende na atmosfera ao encontrar a barreira do relevo da Serra do Mar e se resfria, gerando condensação e, por efeito, chuva. Este tipo de precipitação chama-se de chuva orográfica e não raro produz volumes extremamente altos ou mesmo extremos em curto período.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Por isso, sempre que no verão e no começo do outono massas de ar frio mais fortes avançam pelo litoral do Sul do Brasil há um risco grande de chuva volumosa no Rio de Janeiro com alagamentos e deslizamentos de terra por conta do fluxo de umidade que avança do oceano para o continente com a massa de ar frio oceânica.  (Com foto de capa da EBC/Agência Brasil)

Anúncios