Anúncios

Um grande incêndio atinge o Parque Nacional de Brasília nesta quinta-feira, de acordo com o portal parceiro Metrópoles. O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) atua no local. Segundo a corporação, ainda não é possível calcular a área destruída pelas chamas. O espaço atingido será contabilizado após a extinção do fogo.

Fumaça do incêndio na Floresta Nacional de Brasília nesta tarde de quinta-feira | Rafaela Felicciano/Metrópoles

O local vem sofrendo com as chamas ao longo de vários dias. No sábado, os bombeiros precisaram de cerca de doze horas para controlar a situação, atuando até durante a noite. Segundo informações do CBMDF, a perícia da corporação concluiu que o incêndio no Parque Nacional de Brasília originou-se de fogo em entulho.


Participaram da operação 32 bombeiros, oito viaturas e duas aeronaves. Além dos militares do Corpo de Bombeiros, havia cerca 20 brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). As equipes retornaram ao Parque Nacional de Brasília no início da manhã e identificaram a reignição em alguns pontos.

Tempo muito seco e quente

O céu do Distrito Federal apresenta uma névoa cinza desde o começo do mês. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) chegou a emitir um alerta vermelho devido ao grande perigo pela umidade relativa do ar muito baixa com grande risco de incêndios e malefícios à saúde.

A capital federal enfrenta uma sequência de dias muito quentes. Mesmo as noites estão quentes com as mínimas mais altas do ano acima dos 20ºC. As máximas chegaram a 30,5ºC no dia 3; 30,8ºC no dia 4; 32,2ºC no dia 5; 33,7ºC na segunda-feira, 33,5ºC na terça e 32,2ºC ontem. A umidade relativa do ar tem caído abaixo dos 20% com marcas perto de 10% em alguns locais.

Na segunda, a estação de Águas Emendadas do Inmet registrou máxima de 35,9°C e 13% de umidade relativa do ar. Foi a terceira maior máxima do Distrito Federal na série histórica de setembro, ficando atrás apenas dos 36,2°C em 21/09/2019 (Águas Emendadas) e dos 36,0°C em 25/09/2015 (Gama).


Calor muito intenso por muitos dias

A MetSul Meteorologia alerta que o calor se manterá muito intenso e com alguns dias mesmo mais quentes do que vem sendo registrado até pelo menos a metade deste mês de setembro em Brasília e no Distrito Federal. Máximas de 34ºC a 35ºC são possíveis em alguns dias na área de Brasília e de 36ºC a 37ºC no entorno, o que sugere a possibilidade de marcas históricas.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Os dados indicam que apenas após os dias 17 ou 18 o calor poderia ceder na região. Durante estes próximos sete a dez dias, com o calor muito intenso e a umidade relativa do ar bastante baixa, o risco de incêndios em vegetação será extremo e a região de Brasília deve enfrentar mais queimadas e que pode ocorrer mesmo na área urbana com os gramados muito secos.

Anúncios