Anúncios

Serra Gaúcha e Campos de Cima da Serra amanheceram nesta quinta-feira com temperaturas de apenas um dígito em pleno fim de novembro | EDIMILSON WATZLAVICK

Frio em pleno final de novembro? Então, o Rio Grande do Sul amanheceu nesta quinta-feira com temperatura abaixo do normal para esta época do ano na maioria das suas regiões e com frio em algumas, de maior altitude no Nordeste gaúcho.

Estações automáticas particulares nos Campos de Cima da Serra registraram no amanhecer de hoje temperaturas mínimas de 4,9ºC em São José dos Ausentes, 5,0ºC em Cambará do Sul, 8,2ºC em São Francisco de Paula, 8,5ºC em Bom Jesus e 9,6ºC em Vacaria.


O frio se fez presente ainda em localidades da Serra Gaúcha no começo desta quinta. Estações acusaram 9,4ºC em Canela, 10,9ºC em Caxias do Sul, 11,3ºC em Gramado e 12,6ºC na cidade de Farroupilha.

Não apenas localidades de maior altitude do Nordeste do Rio Grande do Sul tiveram mínimas abaixo de 10ºC, portanto de um dígito. Estação de baixada, no bairro Planalto, em Santa Rosa, no Noroeste gaúcho, acusou uma mínima ao amanhecer de 9,9ºC.


No Planalto Médio, no município de Coxilha, a temperatura na madrugada desceu a somente 8,3ºC. Outras cidades da região e do Alto Jacuí, como Tapera, Espumoso e Saldanha Marinho, anotaram marcas de 10ºC a 11ºC, abaixo do que é normal para esta época do ano.

Na região de fronteira com o Uruguai e adjacências, a madrugada de hoje também foi fria para os padrões climatológicos desta época do ano. Os termômetros indicaram 10,9ºC em Herval, 11,8ºC em Quaraí, 12,3ºC em Livramento, 12,4ºC em Dom Pedrito e 13,5ºC em Bagé.

A madrugada foi fria para o fim de novembro ainda em outras regiões do Rio Grande do Sul. No Centro do estado, em Santa Maria, a mínima foi de 12,4ºC. No Sul, estações registraram mínimas de 12,6ºC em Pinheiro Machado, 13,0ºC em Capão do Leão e 13,4ºC em Camaquã.

Os valores não chegam a impressionar, afinal no inverno faz muito mais frio e mesmo no início deste mês a temperatura caiu muito mais com uma poderosa massa de ar polar tardia, mas as mínimas de hoje em diversas cidades gaúchas foram baixas para os padrões do final do mês de novembro.

Não há nenhuma massa de ar frio de forte intensidade sobre o Rio Grande do Sul. O que fez a temperatura cair bastante na madrugada foi o perfil seco da atmosfera com tempo aberto e vento calmo.

Trata-se do mesmo padrão que favorece rápida elevação da temperatura com o sol durante o dia e trará máximas acima de 30ºC na tarde desta quinta-feira em regiões como o Noroeste e o Oeste gaúcho, em cidades como Uruguaiana, São Borja e Santa Rosa.

Os próximos dias reservam justamente calor para os gaúchos. Máximas de 31ºC a 33ºC são projetadas na região de Uruguaiana com marcas de 33ºC a 35ºC na primeira metade da semana que vem. No Noroeste, aquecerá mais. Máximas de 31ºC a 33ºC serão comuns até o fim de semana e na primeira metade da semana que vem passarão de 35ºC em alguns locais.

Nos primeiros dias de dezembro se espera a passagem de uma frente fria pelo Rio Grande do Sul com aumento de nebulosidade e chuva na maioria das regiões. Como o sistema frontal só deve ocorrer daqui a dez dias, projeções de volumes de chuva neste momento estão sujeitas ainda a grandes mudanças, mas se desenha cenário de precipitações mais generalizadas no estado gaúcho.

A maior elevação da temperatura na primeira metade da semana que vem vai se dar justamente pelo ingresso de ar mais quente que costuma preceder a chegada de uma frente fria e que tende a alcançar o Sul do Brasil nos primeiros dias de dezembro.

Anúncios