Anúncios

A última semana de outono tem nos apresentado um padrão térmico típico de inverno no Rio Grande do Sul com vários seguidos de frio intenso e presente inclusive no turno das tardes. Anteriormente, na terça-feira  a Capital registrou a tarde mais fria do ano até agora. De antemão só neste mês de junho foram oito tardes em que a Capital registrou máximas abaixo da média histórica que é de 19,2°c. Hoje a máxima foi de 16°C, marca que não se sustentou por mais que uma hora durante a tarde e em seguida a temperatura voltou a cair.

Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) em muitas regiões a máxima hoje não alcançou sequer os 15°C. Segundo a rede de dados do Instituto a tarde foi mais fria em Canela com tempo encoberto e máxima de 6,2°C, seguida de Bento Gonçalves que registrou 10,1°C, São José dos Ausentes que teve 10,7°C, Vacaria com 11,2°C,  Lagoa Vermelha com 11,6°C, Serafina Correia teve 12°C, Quaraí 13,5°C, Santa Maria e Campo Bom tiveram 14,4°C.  Em Campo Bom é o terceiro dia seguido com máximas abaixo de 15°C.


Na Serra o município de Canela teve a tarde mais fria do ano até agora com registro de apenas 6,2°C, marca que se igualou a 2 de julho de 2021, ou seja, foi a tarde mais fria na cidade nos últimos 11 meses.

FRIO SEGUE


Nesta sexta-feira apesar do amanhecer ter previsão de frio intenso, a expectativa é de uma tarde mais amena em algumas regiões, notadamente na Metade Oeste e nas Missões. Por outro lado, o último sábado de outono que tem previsão de muitas nuvens e chuva em parte do Estado terá mais uma tarde de marcas baixas de temperatura.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

 

Anúncios