Anúncios

Ciclone ainda atuava perto nesta segunda-feira e agora se afasta, permitindo noites de mais frio e geada com vento mais fraco | Zoom Earth

Ciclone extratropical se afasta e o frio toma conta a partir desta terça-feira. A previsão do tempo da MetSul indica que o sistema responsável pelo vento de ontem e desta segunda-feira vai se distanciar do continente, reduzindo o vento e permitindo um resfriamento mais acentuado no período noturno.

Com efeito, o Rio Grande do Sul teve nesta segunda-feira o segundo dia consecutivo com rajadas de vento em razão do ciclone no oceano. As rajadas mais forte, como previsto, se concentraram no Leste do Estado, o que inclui a região das lagoas, Porto Alegre e a faixa costeira. Porto Alegre teve rajadas de até 60 km/h no começo da tarde.

No Litoral Norte, o vento forte derrubou estátua de loja. Em Rio Grande, por sua vez, o porto seguia fechado devido ao vento e em razão da agitação marítima. Durante a tarde, 11 navios estavam atracados esperando para sair e outros 14 aguardavam para entrar. No auge da falta de luz em razão do vento ontem, cerca de 400 mil pessoas estavam sem energia na área de concessão da CEEE.

Depois do vento do ciclone, frio e geada

Com o afastamento gradual do ciclone do continente, o vento diminui bastante nesta terça e, inclusive, será calmo em diversas regiões mais afastadas da costa. Com o vento mais fraco, o tempo muito aberto e o perfil seco da atmosfera, as condições ficam propícias para um maior resfriamento noturno.

Nesse sentido, a MetSul antecipa que o amanhecer desta terça-feira será frio a muito frio no Rio Grande do Sul, conforme a região, com marcas até abaixo de zero em baixadas do Norte e do Nordeste do Estado, como na região de Soledade e nos Campos de Cima da Serra.

O resfriamento deve ser maior no Noroeste, no Norte e no Nordeste gaúcho, além de Santa Catarina e o Paraná. Isso porque estas áreas terão a atmosfera mais seca e o vento fraco a calmo. O Meio-Oeste catarinense, por exemplo, por ter marcas perto de 0ºC em alguns pontos com geada.

O mapa acima mostra a projeção de geada para o amanhecer desta terça-feira no Sul do Brasil, de acordo com o modelo canadense. Na seção de mapas, o assinante tem a projeção de geada deste e outro modelos atualizada várias vezes ao dia para até 15 dias.


As madrugadas da quarta e da quinta-feira ainda devem ser frias no Sul do Brasil. Uma vez mais se espera a ocorrência de geada no Sul do país, agora mais concentrada nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Anúncios