Anúncios

A chuva em São Paulo, antecipada pela MetSul Meteorologia na semana passada, e que traz um alívio após longo período de tempo seco, vai prosseguir no estado paulista. A tendência, inclusive, é que as precipitações fiquem mais generalizadas e se intensifiquem até a metade da semana.

O começo de semana tem registro de chuva em grande parte do estado de São Paulo, exceção de municípios mais ao Norte do território paulista. No Sul do estado, em Barra do Turvo, a chuva somava 46 mm até o final da manhã desta segunda-feira. Registro estava com 21 mm. Mais a Oeste, Rancharia acumulava 13 mm. No Centro do estado, São Carlos tinha 9 mm.


Na capital paulista, os totais de chuva até o final da manhã desta segunda-feira somavam 17 mm no Mirante de Santana e 14 mm em Interlagos. A chuva aumentou na cidade durante as horas da madrugada de hoje com registro de até 4 mm em apenas uma hora.

A previsão da MetSul Meteorologia aponta o prosseguimento do tempo instável na cidade de São Paulo até quinta-feira. Os dias terão predomínio de nebulosidade com garoa e chuva em alguns momentos. Entre amanhã e quarta se espera um aumento da precipitação que não se descarta possa ser até moderada a forte em alguns momentos.


Em cidades mais ao Norte do território paulista, que ainda não registraram chuva, há tendência de chover. Não se descarta instabilidade ainda hoje, mas entre amanhã e quarta é muito alta a probabilidade de chover, encerrando um período de meses sem precipitação.

Onde mais deve chover no estado de São Paulo é no Sul e no Leste paulista. O modelo europeu, disponível ao assinante na seção de mapas, projeta mais de 50 mm em muitas áreas do Sul e do Leste do estado até quinta-feira com acumulados em alguns pontos que podem até exceder a marca dos 100 mm.

Uma área de baixa pressão vai se aprofundar na costa na quarta-feira, originando um ciclone extratropical. Enquanto alguns modelos projetam o sistema na costa de Santa Catarina, o modelo europeu indica o centro do sistema junto ao litoral paulista, o que traria acumulados de precipitação mais altos.

A MetSul Meteorologia está alertando ainda para vento forte com rajadas intensas no Sul e no Leste paulista, em especial em pontos próximos da costa, entre quarta e quinta-feira com o aprofundamento do centro de baixa pressão sobre o oceano que provocará muito vento no litoral de Santa Catarina ao Rio de Janeiro.

Rajadas entre 80 km/h e 100 km/h não são descartas no litoral que ainda deve ter forte agitação marítima e risco de ressaca que pode ser significativa em alghuns pontos. Este ciclonve vai estar muito perto da costa e muito mais ao Norte que o habitual, o que aumenta muito os riscos meteorológicos por chiva e vento no litoral paulista com chance até de danos.

Anúncios