Anúncios

Frente fria avança pelo Rio Grande do Sul e traz significativo aumento da cobertura de nebulosidade na maior parte do Estado nesta quarta-feira. O sol até aparece em algumas áreas, sobretudo na Metade Norte, mas o tempo depois passa a nublado e encoberto. A chuva que já cedo atinge o Sul e o Oeste até o final do dia alcança a maioria das regiões gaúchas. Por isso, a temperatura nesta quarta-feira tende a se elevar menos, à medida que haverá ou chuva ou maior presença de nuvens em quase todos os municípios. Cidades mais ao Norte do Estado é que devem ter ainda máximas elevadas para a época do ano. Santa Catarina terá um dia de sol e nuvens, mas até o final do período áreas do Centro para o Oeste do Estado, além de pontos do Sul, podem ter instabilidade. Na área de Florianópolis e Joinville é provável que o dia passe total ou em grande parte sem chuva com céu parcialmente nublado. O sistema frontal alcança com chuva ainda nesta quarta o Oeste e o Sul do Paraná.

 


A frente fria que desde segunda estava estacionada no Extremo Sul gaúcho e que a partir desta quarta começa a avançar para Norte não deve trazer chuva apenas ao Sul do Brasil. Entre quinta e sexta se espera que provoque aumento de nebulosidade e chuva em São Paulo, mas ao avançar pelo Sudeste do Brasil tende a enfraquecer. Por isso, os volumes de chuva devem ser muito irregulares no Rio de Janeiro e na maior parte de Minas Gerais sequer deve chover. No sábado, a circulação de umidade do oceano traz precipitações ainda para pontos perto da costa de São Paulo e no Rio, mas de forma intermitente. O Centro-Oeste seguirá com o padrão de tempo muito seco. A massa de ar frio, que não é intensa e acompanha a frente fria, trará queda de temperatura para o Sul do Brasil e principalmente São Paulo na segunda metade da semana.


Anúncios