Anúncios

Chuva alcançou área da fronteira com o Uruguai com nuvens carregadas em Livramento na manhã desta quarta-feira | FABIAN RIBEIRO

O tempo já começou a mudar no Rio Grande do Sul. A chuva retornava ao Estado na manhã desta quarta-feira, como previsto, pelas áreas de fronteira do Oeste e do Sul do Estado. Nuvens escuras cobriram Santana do Livramento durante a manhã e o tempo se instabilizou com chuva em diversos pontos da região. Chovia ainda nas áreas de Uruguaiana e de Quaraí.

As imagens de radar meteorológico mostravam a chuva avançando pela fronteira com o Uruguai e o Oeste do Rio Grande do Sul enquanto a maior parte do território gaúcho seguia com sol, nuvens e temperatura elevada. A tendência para as próximas horas é a instabilidade se concentrar no Oeste e no Sul gaúcho, avançando até a noite para pontos do Centro do Estado, o que pode fazer Santa Maria ter chuva já hoje.


É o começo de um período de vários dias com abundante nebulosidade, alta umidade, instabilidade e chuva. A mudança do tempo mais generalizada vai ocorrer amanhã, quando se espera a instabilidade atinja todas as regiões gaúchas, inclusive a de Porto Alegre que tem uma quarta-feira de sol e nuvens com temperatura de 28ºC à tarde. A sequência de vários dias com instabilidade fará com que a maior parte do estado gaúcho feche maio com precipitações acima da média histórica, considerando o que já choveu neste mês.

Nos próximos dias, não vai chover o tempo todo e ocorrerão vários intervalos sem chuva, e alguns até com registro de aberturas e a presença do sol, mas o tempo não firma ao menos até segunda-feira. A previsão é chova no Rio Grande do Sul hoje, amanhã, sexta, sábado, domingo e segunda-feira. Na área da Grande Porto Alegre, os dados indicam possibilidade de chuva entre esta quinta-feira e parte do domingo, mas com intervalos de melhoria sem precipitação.


A chuva deve ser predominantemente fraca a moderada, mas em algumas cidades pode ser por vezes forte. O risco de temporal é baixo. A sequência de dias com registro de chuva, entretanto, deve trazer precipitação entre 30 mm e 50 mm para a maioria dos municípios gaúchos e com acumulados em algumas áreas acima de 50 mm e pontuais de 75 mm a 100 mm. Os mais altos volumes devem ser registrados na Metade Norte gaúcha e parte de Santa Catarina.

O tempo deve melhorar na maior parte do Rio Grande do Sul entre domingo e a segunda-feira com o ingresso de uma massa de mais seco e frio que trará temperatura mais baixa no final do mês, entretanto no Paraná a tendência é de a instabilidade prosseguir durante a semana que vem e com altos volumes de chuva em diversas regiões.

Anúncios