Porto Alegre (foto) registrou máxima oficial ontem no Jardim Botânico de 31,1ºC, um décimo acima da média máxima histórica de janeiro que é a maior dentre todas dos meses do ano. Hoje, a temperatura se eleva ainda mais e ficará acima da climatologia máxima histórica do mês de janeiro. | FERNANDO OLIVEIRA

A tarde desta quinta-feira no Rio Grande do Sul será de muito calor. As máxima previstas pela MetSul são tão altas que os valores que devem ser alcançados nos termômetros devem ficar ao redor ou acima das médias máximas climatológicas de janeiro em grande número de locais do estado.

Em Porto Alegre, por exemplo, as máximas nesta quinta-feira devem se situar entre 31ºC e 32ºC na maior parte da cidade. São valores que ficam acima das médias máximas históricas (série 1991-2020) de todos os meses do verão que são de 30,0ºC em dezembro, 31,5ºC no mês de fevereiro e 30,5ºC em fevereiro.

Para se dimensionar quão acima da média desta época do ano a temperatura deve ficar hoje à tarde, a média máxima de agosto pela série 1991-2020 na capital gaúcha é de 21,8ºC, ou seja, as máximas desta quinta na capital gaúcha tendem a se situar ao redor de 10ºC acima da média climatológica do mês.


Santa Maria, no Centro do estado, tem médias máximas no verão de 30,4ºC em dezembro, 31ºC em janeiro e 30,2ºC em fevereiro, mas hoje pode anotar 32ºC ou mais. Caxias do Sul, na Serra, tem médias máximas de 26,2ºC em dezembro e 26,9ºC em janeiro, e a previsão para oje à tarde é de 27ºC a 28ºC.

Calorão na segunda metade de agosto não é incomum. Ocorre em quase todos os anos, uma vez que já é um período próximo da primavera climática (setembro a novembro). Em 2021, no dia 19 de agosto, a temperatura máxima chegou a 36,1ºC em Campo Bom.

Uma massa de ar muito quente cobre o Rio Grande do Sul nesta quinta-feira. As máximas à tarde vão ficar entre 32ºC a 34ºC em pontos da Fronteira Oeste, Noroeste, vales e Grande Porto Alegre. Grande parte dos municípios gaúchos anotará marcas perto ou acima de 30ºC.


O ar quente chega com vento do quadrante Norte que pode soprar moderado com rajadas fortes em algumas cidades, especialmente do Oeste. Isso em decorrência de uma corrente de jato em baixos níveis que transporta o ar quente para o estado gaúcho.

O sol aparece nesta quinta-feira em todas as regiões do Rio Grande do Sul, acompanhado de nuvens, embora o céu claro na primeira metade do dia em algumas áreas, mas a nebulosidade aumenta no Oeste e no Sul com chuva e trovoadas da tarde para a noite. Instabilidade mais generalizada ocorre amanhã com chuva em todas as regiões do estado e com risco de temporais isolados.