Anúncios

Muitas nuvens ainda cobriam a cidade de Belo Horizonte na tarde desta quinta-feira depois da chuva volumosa e incomum para a época do ano no começo do dia | DEFESA CIVIL DE BH/DIVULGAÇÃO

A cidade de Belo Horizonte começou o dia de hoje com muita chuva e volumes de precipitação incomuns para esta época do ano. A chuva superou em muito a média histórica mensal do mês de maio em todas as zonas da cidade com marcas em alguns pontos, em apenas em doze horas, que foram equivalentes a 250% da média de maio.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Meteorologia, em suas estações meteorológicas localizadas na capital mineira, caíram 61 mm na Pampulha e 59,8 mm no Cercadinho até a leitura realizada às 9h de hoje.
A normal climatológica de precipitação para maio da série 1991-2020 é de apenas 28,1 mm. O maio mais chuvoso de toda a série histórica, que tem dados desde 1911, ocorreu no ano de 2015 com 96,7 mm anotados durante o mês na capital mineira.


Já medições da Defesa Civil de BH indicaram até a manhã de hoje 58 mm em Barreiro, 65 mm no Centro-Sul, 62 mm na zona Leste, 59,4 mm no Nordeste de Belo Horizonte, 56,2 mm no Noroeste, 45,4 mm na parte Norte da cidade, 73 mm no Oeste, 61,4 mm na Pampulha e 59,2 mm em Venda Nova.

A chuva do começo do dia causou transtornos na cidade, de acordo com informações repassadas pela Defesa Civil de Belo Horizonte. Foram ao menos 22 ocorrências atendidas que envolveram rachaduras e até desabamento de estruturas, como um muro que veio abaixo com a chuva forte. A maioria das ocorrências se deu nas regionais Norte, Nordeste e Centro-Sul.


O que causou a chuva em Belo Horizonte

A chuva em Belo Horizonte foi consequência do avanço de uma frente fria pelo Sudeste do Brasil associada a um ciclone extratropical a Leste de Santa Catarina. Os volumes de chuva anotados ficaram acima do que era projetado por modelos numéricos que indicavam acumulados mais baixos na passagem da frente pelo estado mineiro. Na retaguarda da frente, avançava uma massa de ar frio pelo Mato Grosso do Sul que estimulou nuvens mais carregadas e chuva forte com temporais em alguns pontos.

Previsão para os próximos dias

A nebulosidade diminui nesta sexta e o sol aparece com nuvens na capital mineira, embora ainda ocorram momentos de maior nebulosidade. Durante o fim de semana e o começo da semana, os dias terão sol e nuvens esparsas. Não se pode descartar precipitação muito isolada e passageira. Na próxima semana, o tempo seco predomina com dias de sol e nebulosidade esparsa. As madrugadas de segunda quarta devem ser mais frias com mínimas de 13ºC a 14ºC.

Anúncios