Anúncios

Argentinos comemoram a conquista da Copa América sob a neve em Calafate | Reprodução/Twitter

Os argentinos foram às ruas, a despeito da pandemia, do frio intenso e da neve em algumas províncias, celebrar a Copa América depois de um jejum de décadas sem títulos internacionais. A Argentina derrotou o Brasil por 1 a 0 ontem à noite no Maracanã, no Rio de Janeiro, com gol de Di Maria.

Foi uma explosão de alegria do Sul ao Norte argentino com o título tão esperado desde o século passado. Em Calafate, província de Santa Cruz, no Sul argentino, os moradores saíram a celebrar a conquista com seus automóveis e bandeiras sob a neve e frio intenso.


O frio intenso marcou o começo deste domingo no Centro da Argentina com o avanço de uma massa de ar polar na região. A temperatura mínima deste domingo no Aeroporto Internacional de Ezeiza, onde a seleção argentina desembarcou com uma multidão cercando o ônibus da delegação, foi de 1,5ºC. No observatório central da capital argentina, o Serviço Meteorológico Nacional (SMN) mediu 4ºC.

Fez muito frio em outras áreas do Centro da Argentina na última madrugada. A mínima no aeroporto de Rosário, na província de Santa Fé, foi de 3,3ºC abaixo de zero. Marcas negativas ocorreram em diversas cidades do interior da província de Buenos Aires. Em Tandil, por exemplo, chegou a fazer 5ºC negativos. No Sul patagônico, o ar não esteve tão gelado com o deslocamento do bolsão de ar frio para o Centro do país e a chegada de ar mais quente em altitude na região, o que favoreceu a instabilidade com neve em alguns pontos.


Massa de ar frio apenas tangencia o Extremo Sul gaúcho | MetSul

Foi este bolsão de ar frio que chegou ao Centro da Argentina que fez com que o Uruguai tivesse uma madrugada muito fria neste domingo com 3,3ºC abaixo de zero na cidade de Mercedes.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Foi a causa da mínimas muito baixa também no Extremo Sul gaúcho, onde a estação do Instituto Nacional de Meteorologia em Santa Vitória do Palmar registrou a mínima do Rio Grande do Sul na rede do Inmet com apenas 3,4ºC.

Anúncios