Anúncios

NBC5

Poucas condições são tão perigosas em rodovias como a presença de gelo na pista. Um mega-engavetamento ontem no Norte do estado norte-americano do Texas é um exemplo do perigo de se trafegar com gelo.

O engavetamento da ontem em Fort Worth envolveu mais de 130 veículos. De acordo com as autoridades, o desastre na rodovia matou ao menos seis pessoas, feriu outras 78 e bloqueou a rodovia Interstate 35W.


NBC5

NBC5

Segundo informações para a NBC5 do porta-voz do Corpo de Bombeiros de Fort Worth, Mike Drivdahl, o “incidente em massa” envolveu reboques, caminhões e carros. 

Os feridos foram levados a hospitais com vários graus de ferimentos – vários ficaram presos dentro dos automóveis.

O engavetamento aconteceu durante uma tempestade de inverno com chuva congelante (freezing rain), quando a chuva cai líquida e congela ao atingir superfícies muito resfriadas como o piso de uma rodovia ou uma rua.

Onda de frio 

Os Estados Unidos enfrentam uma onda polar duríssima com marcas de até -40ºC no Norte do país e que vai piorar. Uma incursão de ar ainda mais gelado vai cobrir praticamente todo o território americano no fim de semana. 

Meteorologistas estão comparando a erupção polar à grande onda de frio de fevereiro de 1899. Muitas cidades terão as menores temperaturas em décadas. 

A quente Houston, no Texas, junto ao Golfo do México, pode ter 10ºC negativos e uma tempestade de neve e gelo. Novas tempestades de gelo, como a que causou o engavetamento, são esperadas.

Cuidado, gelo na pista 

Esta é uma frase que quem trafegar por estradas do Planalto Sul Catarinense certamente vai observar em placas de trânsito. E, no inverno, acontece . Gelo se acumula na estrada.

Apesar de não ter um inverno tão extremo como de países de clima frio, Rio Grande do Sul e Santa Catarina possuem histórico de acidentes de trânsito envolvendo a presença de gelo em ruas e rodovias.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Quase todos os anos, em intensas ondas de frio, ocorrem acidentes por gelo na pista em cidades da Serra Gaúcha e do Planalto Sul Catarinense. Nos eventos mais extremos, as autoridades chegam a recorrer ao uso de sal nas pistas para evitar o congelamento e, assim, acidentes. 

Anúncios