Anúncios

Porto Alegre terá muitos dias de sol e sem calor excessivo antes do Natal | FERNANDO OLIVEIRA

O clima reserva uma surpresa neste fim de ano com um padrão atmosférico diferente do que se costuma observar nesta época do ano. O período que antecede o Natal costuma ser quase todos os anos marcado por muito calor e alguns temporais de verão, às vezes até fortes e destrutivos, mas não é o que se projeta para este 2022 em parte do Rio Grande do Sul.

Depois de muito calor no primeiro terço do mês, uma frente fria trouxe chuva e tempestades na segunda-feira. Na sequência ingressou uma massa de ar frio que gerou mínimas baixas para a metade de dezembro ontem e principalmente na madrugada de hoje.


No Rio Grande do Sul, as mínimas hoje cedo foram de 5,8ºC em Cambará do Sul, 6,3ºC em Soledade, 7,1ºC em São Francisco de Paula, 7,2ºC em São José dos Ausentes, 7,6ºC em Vacaria e Canela, 7,8ºC em Monte Alegre dos Campos, 8,1ºC em Bom Jesus, 8,6ºC em Caxias do Sul, 9,1ºC em Pedras Altas, 9,7ºC em São José do Ouro e 9,8ºC em Muitos Capões. Geou no Planalto Sul de Santa Catarina.

Mesmo a Grande Porto Alegre teve temperatura baixa no final da madrugada desta quarta. A mínima em Gravataí desceu a 11,8ºC e a 12,9ºC em Novo Hamburgo. Na zona Sul de Porto Alegre, a temperatura foi de 14,1ºC hoje cedo.


Uma nova frente fria avança pelo Rio Grande do Sul agora na sexta-feira com aumento das nuvens e chuva irregular pelo território gaúcho. Muitas cidades, especialmente da Metade Oeste, não devem ter precipitação.

Na sequência desta frente fria, uma nova massa de ar frio deve ingressar no estado gaúcho e dar início à uma sequência longa de dias com marcas agradáveis ou pouco calor em um grande número de municípios do Rio Grande do Sul.

A influência do ar mais ameno até o Natal será maior na Metade Leste do estado, o que inclui a área de Porto Alegre. Por isso, quase todos os dias entre o final desta semana e o Natal vão ter máximas abaixo dos 30ºC na capital gaúcha, quando frequentemente na climatologia os dias que antecedem ao Natal são marcados por forte a intenso calor. As noites também devem ser de marcas amenas e sem calor.

Projeção de anomalia de temperatura em 850 hPa (1.500 metros de altitude) no Sul do Brasil do modelo europeu para os dias 17, 19, 21 e 23 | METSUL

A temperatura máxima média histórica de dezembro em Porto Alegre (série 1991-2020) é de 30,0ºC. Conforme a projeção do modelo europeu de hoje, a esmagadora maioria dos dias até 0 dia 25 deve ter máximas inferiores a 30ºC com marcas potencialmente acima nesta quinta e nos dias 22, 23, 24 e 25, mas sem previsão de calor excessivo na capital.

No Oeste do Rio Grande do Sul, a realidade será muito diferente. A semana que vem, nos dias precedendo o Natal, as tardes serão de calor seco com muito baixa umidade. As tardes entre os dias 21 e 24 devem ser muito calor na Fronteira Oeste e o Noroeste com marcas perto de 40ºC no final da próxima semana, imediatamente antes do Natal.

Este grande contraste térmico que se espera entre o Oeste (quente) e o Leste (agradável) na próxima semana deve favorecer a ocorrência de vento do quadrante Leste que sopra mais forte da tarde para a noite à medida que o continente aquece mais rapidamente que o oceano.

Anúncios