Árvore caiu sobre um Fusca e partiu ao meio o veículo em Caraguatatuba | REDES SOCIAIS

Violento vendaval atingiu a cidade costeira de São Paulo de Caraguatatuba na tarde desta quinta-feira. Vídeos e fotos da localidade do litoral mostram estragos em diversos pontos do município em razão das rajadas acima dos 100 km/h.

Como consequência do temporal, danos e transtornos foram observados como quedas de árvores e postes, o detalhamento de uma igreja e ainda o destelhamento de shopping center da cidade do Litoral Norte paulista.

Conforme o portal G1, uma das árvores derrubadas pelo vento caiu sobre um Fusca, partindo o veículo ao meio. De acordo com a Defesa Civil, a chuva e o vento forte atingiram diversas regiões do município.

O violento vendaval destelhou parcialmente o Shopping Serramar, causando danos no estacionamento e também a queda de um outdoor. Frequentadores do shopping entraram em pânico com a violência do vento que levantou a cobertura do estabelecimento.

A Defesa Civil do município informou quedas de árvores nos bairros Golfinhos, Pontal Santa Marina e Massaguaçu. Uma igreja foi destelhada e um muro, no Jardim Britânia, desmoronou.

O que houve em Caraguatatuba? Uma célula de tempestade muito forte e isolada se formou por conta do intenso calor que fazia na região com temperatura perto de 40ºC pelo segundo dia seguido. O litoral paulista teve dia tórrido com máxima de 37,9ºC em Bertioga. Fez 38,2ºC em Angra dos Reis, na Costa Verde, no Litoral Sul do Rio de Janeiro.

Com a aproximação de uma frente fria, núcleos isolados de instabilidade se formaram. O que atingiu Caraguatatuba gerou o violento vendaval. A muito rápida passagem do vento e sua violência não permitem se descartar a passagem de um tornado, especialmente porque atuava uma corrente de jato em baixos níveis na região com maior cisalhamento de vento.

Outra hipótese é de uma microexplosão. São correntes de vento violentas e descendentes que ao alcançar a superfície se espalham de forma radial, produzindo estragos. A força do vento neste tipo de fenômeno pode provocar danos comparáveis ao de um tornado com rajadas em alguns casos tão fortes quanto 150 km/h ou mais.

Como a atmosfera está muito quente, novos núcleos de instabilidade com temporais muito localizados fortes a severos podem se formar em São Paulo e no Rio de Janeiro. No começo da noite, áreas de instabilidade atuavam no estado do Rio.