Anúncios

Forte temporal atingiu na noite de ontem o município de Hulha Negra, região de Bagé, na Campanha. Conforme a Prefeitura Municipal, pelo menos 30 casas foram destelhadas durante a tempestade severa. O temporal de chuva e vento atingiu com força a região entre 22h30m e 23h. Houve danos importantes em lavouras de milho e soja. Uma escola que atende 115 alunos teve a cobertura danificada. Os piores danos se concentraram na zona rural, ao Sul da cidade (fotografias de Erone Londero).



Uma célula localizada, porém, intensa se formou sobre o Uruguai no começo da noite e cruzou a fronteira, atingindo a área de Hulha Negra. A imagem de radar meteorológico abaixo mostra como era bastante localizado o núcleo de forte instabilidade que atingiu a Campanha. A instabilidade esteve associada ao ambiente de ar quente e úmido de baixa pressão atmosférica com a presença de um vórtice ciclônico em médios e altos níveis na atmosfera sobre a Argentina. No vizinho Uruguai, o mau tempo trouxe alagamentos e o bloqueio de rodovias pelos volumes de chuva que na área de Montevidéu chegaram a 160 mm.  



A MetSul Meteorologia mantém o alerta de chuva forte a intensa e de temporais isolados com risco de ventania e granizo para o restante do dia de hoje e a quinta-feira, mas torna a enfatizar que episódios de tempo severo devem ser localizados. A instabilidade aumenta muito no Rio Grande do Sul amanhã, quando diversas regiões podem ter chuva localmente forte e com grandes acumulados em curto período em alguns pontos.

Anúncios