Anúncios

Visit Rovaniemi/Divulgação

Papai Noel é uma figura especial na Finlândia. Apesar da versão mundial é que o Bom Velhinho resida no Polo Norte, a vila autodeclarada oficial do Papai Noel, ou Santa Claus em Inglês, está situada numa cidade chamada Rovaniemi, na Lapônia finlandesa.


Por isso, o serviço meteorológico da Finlândia divulgou um prognóstico especial para o voo do Papai Noel. O prognóstico indica que o tempo vai estar muito instável no país com abundante nebulosidade, chuva em algumas áreas e neve em diversas partes.

Vai estar muito frio na região, uma vez que a Europa estará sendo assolada durante o Natal por uma poderosa onda de frio. A temperatura em 850 hPa (nível de 1.500 metros) para a noite deste dia 24 é projetada em 17ºC abaixo de zero na área de Rovaniemi. Em superfície, a Meteorologia finlandesa prevê para a cidade -15ºC na sexta e -14ºC no sábado.


A MetSul esteve em Rovaniemi, cidade para muitos pouco interessante de 63 mil habitantes, em que turistas do mundo inteiro podem ser vistos em busca da magia do Natal e do clima frio com a neve, as renas e os passeis pela paisagem congelante a bordo de trenós puxados por cães.

É um dos lugares em que melhor se observa a aurora boreal no mundo, mas o grande atrativo mesmo de Rovaniemi é mesmo a vila oficial do Papai Noel, onde o turista paga um preço salgado em euros para adentrar a casa e sair com uma foto ao lado do velhinho. A vila está no ponto exato por onde passa a linha do Círculo Polar Ártico e o marco demarcatório é um dos locais mais procurados para a fotografia.

O fim de ano a época mais animada do calendário na terra do Papai Noel, a Lapônia finlandesa. É quando os funcionários dos correios locais cuidam de uma média de meio milhão de cartas dirigidas ao Bom Velhinho. “Milhares de cartas chegam todos os dias do mundo inteiro”, conta um dos carteiros,

Mais de 10 milhões de cartões de boas festas e listas de presentes transitam pela agência dos Correios desde sua inauguração perto de Rovaniemi. A avalanche de cartas que chegam aos serviços postais finlandeses começou há quase 80 anos, quando um popular programa de rádio infantil afirmou que o Papai Noel vivia numa montanha dos arredores.

O serviço de correios do país não teve outra saída a não ser abrir uma agência exclusivamente destinada a essa correspondência tão especial. O número de cartas recebidas alcançou há alguns anos a média de 800.000, mas o papel e a tinta cederam terreno em benefício do correio eletrônico.

Todas cartas dirigidas a ”Papai Noel” ou ”Santa Claus” e com endereço ”Lapônia” ou ”Pólo Norte” chegam à agência, mas, segundo os funcionários, o endereço correto é: Santa Claus, 96930, Círculo Polar, Finlândia. E todas as cartas recebidas com remetente recebem religiosamente uma resposta em oito idiomas diferentes.

Só que o Papai Noel não é motivo de interesse apenas dos baixinhos, como também de “gente mais velha”. Muitas pessoas se apresentam como voluntários para trabalhar de duende no correio do Papai Noel nos finais de semana.

Apesar de no geral reinar o bom humor, as cartas recebidas nem sempre fazem sorrir. De fato, aproximadamente um terço das cartas evocam temas sérios, problemas familiares ou tragédias que se registram no mundo, como de vítimas de violência em países atingidos por guerras.

Anúncios