Anúncios

Depois de um começo de dezembro atipicamente frio, o calor se instalou com força no Rio Grande do Sul com máximas próximas ou acima de 35ºC ontem na maioria das regiões. As máximas à tarde chegaram a 37,1ºC em Santa Rosa, 37,0ºC em Venâncio Aires, 36,8ºC em Itaqui, 36,0ºC em Três Coroas, 35,8ºC em Santa Cruz do Sul e 35,6ºC em Teutônia. Na Grande Porto Alegre, estações meteorológicas apontaram 36,0ºC em Canoas, 35,5ºC em Campo Bom e 34,3ºC em São Leopoldo. Na Capital, as máximas em vários bairros ficaram entre 34ºC e 36ºC. Na Tristeza, a estação do Sistema Metroclima da Prefeitura indicou 36,4ºC. 

João Pedro Saraiva

Como era esperado, devido ao intenso calor com ar seco, houve focos de incêndio em vegetação em diferentes pontos de Porto Alegre e área metropolitana. O maior ocorreu em matagal de Eldorado do Sul. Cinzas oriundas da queimada em Eldorado, transportadas pelo vento de Oeste, se precipitaram nos bairros Menino Deus e Cidade Baixa, conforme relatos de moradores.


Hoje, o calor aumenta ainda mais. Os gaúchos vão ter uma terça-feira escaldante. Massa de ar muito quente cobre o Rio Grande do Sul e será responsável por uma jornada de calor muito intenso com máximas perto de 40ºC em alguns bairros da Capital, parte da Grande Porto Alegre e na região dos vales. Já faz calor cedo e ao redor das 10h da manhã já haverá cidades com mais de 30ºC. O sol predomina, apesar de nuvens esparsas, e da tarde pra noite áreas do Sul gaúcho e próximas da fronteira com o Uruguai podem ter chuva e tempestades.


O risco de incêndio em vegetação será muito alto a extremo com tendência de mais focos de queimadas na Grande Porto Alegre e no interior do Estado. (Com foto de capa de Antônio Rigon)

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

 

Anúncios