Anúncios

Áreas de instabilidade associadas a uma frente fria se organizaram sobre o Rio Grande do Sul ao longo desta terça-feira com chuva na maioria das regiões e que foi forte em algumas cidades.

Já na parte da manhã choveu forte no Vale do Sinos com mais de 30 mm na área de Novo Hamburgo e até 45 mm em Sapiranga. 


Novo Hamburgo teve mais de 30 mm de chuva | Alexandre Pinto

Da tarde para a noite, a instabilidade afetou mais áreas do Estado, especialmente a Metade Norte com chuva isoladamente forte e alguns temporais localizados no Noroeste, no Norte do Estado e nos Aparados. 

Os volumes de chuva de ontem até o começo da noite foram de 70 mm em Passo Fundo e 55 mm em Igrejinha, no Vale do Paranhana. Santa Cruz do Sul teve alagamentos pela chuva forte que caiu durante a manhã. Na vizinha Vera Cruz chegou a cair granizo. 

Na maior parte do Rio Grande do Sul, entretanto, os volumes ficaram abaixo dos 20 mm com locais em que mal choveu ou sequer caiu uma gota. 


No Noroeste, a instabilidade foi forte à tarde em Santa Rosa com um vendaval que trouxe queda de árvores e destelhamentos. As rajadas passaram de 70 km/h em estação meteorológica, mas foram muito mais fortes em alguns pontos. 

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Estragos pelo temporal em Santa Rosa | Nicolas Scheibner.

Vento derrubou árvore em Santa Rosa | Nicolas Scheibner.

Nesta quarta-feira e nos dias seguintes, a instabilidade atuará mais em Santa Catarina e no Paraná enquanto no Rio Grande do Sul o tempo firme vai predominar, exceção de instabilidades muito isoladas na Metade Norte gaúcha de quinta em diante. 

Anúncios