Anúncios

O modelo norte-americano GFS indica a possibilidade de neve áreas elevadas do Sul do Brasil entre os dias 26 e 27 de junho e, num segundo episódio, em 1 de julho (mapas abaixo). 


Enfatizamos que no dia de hoje se trata de mera curiosidade e não de uma previsão de neve. É, no momento, tão-somente uma projeção de modelo numérico. Como é uma tendência para oito dias à frente sujeita a grandes alterações e prognóstico de neve é complicado às vezes até poucas horas antes, ao menos fica o registro por agora de que o padrão até agora de ausência de frio muito rigoroso está prestes a mudar. 

Vem frio mais forte e pode ser rigoroso.

Vários modelos internacionais analisados pela MetSul estão indicando a possibilidade de duas erupções de ar polar mais fortes alçando o Sul do Brasil no final do mês e no começo de julho, sendo a segunda mais intensa. Se trarão neve, apenas mais perto para responder. 


Lembramos que na seção de mapas você tem projeções de chance de neve e de temperatura para o Sul do Brasil de vários modelos e atualizadas várias vezes ao dia. 

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

 

Anúncios