Anúncios

Cidade de São Paulo teve o terceiro fevereiro mais chuvoso em quase 80 anos de observações meteorológicas | ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL/EBC

A cidade de São Paulo teve o terceiro fevereiro mais chuvoso em 80 anos de observações, de acordo com dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Meteorologia. O acumulado no mês foi de 428,9 mm na estação convencional no Mirante de Santana.

O volume total de fevereiro ficou 66 % acima da normal climatológica (1991 a 2020) de 257,7 mm. Com isso, a capital paulista teve o terceiro fevereiro com maior índice de precipitação desde o começo das medições em 1943.

Fevereiro de 2023 só perde em chuva na climatologia histórica do mês para os meses de fevereiro de 1995, que anotou 445,5 mm, e de 2020, que somou 505,7 mm na estação meteorológica do Mirante de Santana.

O novo ranking dos cinco fevereiros mais chuvosos na cidade de São Paulo tem 2020 na primeira posição com 505,7 mm, 1995 na segunda com 428,9 mm, 2023 na terceira com 428,9 mm, 1970 em quarto lugar com 416,2 mm e 1998 na quinta posição 394,2 mm.


Nos últimos doze meses,  nove tiveram chuva abaixo da média na cidade de São Paulo. Só agosto e outubro de 2022 e fevereiro de 2023 terminaram com precipitação acima do valor de referência da climatologia. Janeiro de 2023 se encerrou com 212,4 mm, abaixo da normal de 292,1 mm.

O maior volume de chuva em 24 horas, entre 9h de um dia e 9h do seguinte, foi de 65,0 mm, totalizado na manhã do dia 21. Foram 22 dias com registro de precipitação acima ou igual a 1 mm, número bem acima da climatologia, que é de 14 dias.

Com média de 28,5 °C, as temperaturas máximas fecharam o mês abaixo da normal mensal de 29,0 °C. A máxima temperatura do mês foi de 31,5°C, registrada dia 2 à tarde. Por sua vez, as temperaturas mínimas fecharam o mês com média de 19,7°C, valor próximo da climatologia de 19,6 °C. A temperatura mínima mais baixa foi de 17,8°C, tanto no dia 19 como no dia 20 de fevereiro.

Anúncios