Anúncios

Clovis Venice

O tempo muda entre hoje e amanhã em todo o Rio Grande do Sul com uma frente fria que vai avançar sobre a massa de ar quente que ontem foi responsável pela jornada mais quente do mês de agosto de 2019 no Estado. A temperatura por um décimo não bateu a casa dos 35ºC. As máximas da quinta-feira, tal como antecipava a MetSul, foram muito altas:

Teutônia: 34,9°C
Santa Rosa: 34,9°C
Parobé: 34,8°C
Canoas: 33,9°C
Lajeado: 33,8°C
Campo Bom: 33,8°C
Novo Hamburgo: 33,8°C
São Leopoldo: 33,4°C
Uruguaiana: 33,2°C
Santa Maria: 33,1°C
São Gabriel: 32,8°C
Cachoeira do Sul: 32,7°C
São Luiz Gonzaga: 32,6°C
São Borja: 32,4°C
Pelotas: 32,1°C
Rio Pardo: 31,9°C
Alegrete: 31,8°C
Livramento: 31,7°C
Vila Nova do Sul: 31,7°C
Camaquã: 31,6°C
Quaraí: 31,4°C
Dom Pedrito: 31,2°C
Jaguarão: 30,8°C
Canguçu: 30,7°C


Em Livramento, correntes de vento de Norte pré-frontais trouxeram fumaça da região amazônica que deram um tom mais róseo ao sol no fim da tarde (foto).

Ronaldo Maciel

Hoje, o calor se concentra na Metade Norte do Rio Grande do Sul. As regiões mais quentes devem ser o Norte e o Noroeste gaúcho com máximas que podem ficar ao redor dos 35°C nas áreas de Iraí e Santa Rosa.

A frente fria que avança pelo Estado entre esta sexta e amanhã pode trazer acumulados de 20 mm a 30 mm na maioria das regiões com até 50 mm a 80 mm em alguns pontos. São prováveis ainda temporais isolados, especialmente de granizo.


Ontem, a frente trouxe chuva localmente forte para as áreas de Montevidéu e Buenos Aires com registro de muitas trovoadas e queda isolada de granizo nas áreas metropolitanas das duas capitais do Prata.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

 

Anúncios