Anúncios

Rovena Rosa/Agência Brasil

Parte do Sul e do Norte do Brasil tem instabilidade hoje e nos próximos dias, mas na maior parte do Brasil o tempo seco predomina e com calor extremo em alguns estados, especialmente no Mato Grosso. O risco de incêndios é crítico no Centro-Oeste e em parte do Sudeste. 

Sul 

Na região Sul do Brasil, se em llgrande parte do estado do Paraná um bloqueio atmosférico impede o retorno da chuva, entre parte de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul o mesmo bloqueio retém a umidade e a chuva por muitos dias seguidos. Não irá chover o tempo todo e nem em todos os dias, mas, em geral, a umidade seguirá alta. 


Nesta terça, o tempo volta a abrir em diversos pontos do Oeste da Região Sul, com previsão de sol e nuvens e maior aquecimento no Paraná com marcas acima de 30°C. No Leste, incluindo o Litoral e as capitais, as nuvens predominam com previsão de precipitação. 

Na quarta, o potencial de chuva diminui na maior parte da região, porém as nuvens e a umidade ainda estarão muito presentes em boa parte do Sul e alcançam ate mesmo a Metade Sul do Paraná. Além disso, destaca-se uma corrente de vento moderado a forte nos baixos níveis da atmosfera que irá trazer ar mais abafado para toda a região, gerando áreas de instabilidade com chuva e risco de temporais isolados de granizo da tarde pra noite na Metade Norte gaúcha e no Leste Catarinense. 

Na quita-feira, o tempo fica mais seco em grande parte da região. No Meio-Oeste catarinense, interior do Rio Grande do Sul e no Paraná o sol aparece entre nuvens e a temperatura sobe. Ainda pode ter chuva isolada na Metade Norte gaúcha em parte do dia. Entre a sexta e o sábado, uma nova frente fria irá se deslocar pelo território gaúcho com previsão de chuva mais generalizada e novos temporais com vendavais, raios e granizo.

Sudeste 

O tempo seco e quente predominou em grande parte do Sudeste do país no feriadão, como previa a MetSul. A umidade relativa do ar baixou de 20% em um muitas cidades no estado de São Paulo e do Sul de Minas Gerais. No restante da semana, haverá a manutenção do sistema de alta pressão atmosférica que seguirá bloqueando o retorno da chuva na região e com um agravante: marcas muito altas de temperatura. 

Nesta terça, o tempo fica firme e ensolarado desde cedo em grande parte do Sudeste. Prognósticos indicam algumas nuvens no litoral paulista e no Vale do Ribeira com baixo potencial de chuva. Na Metade Norte e Oeste de São Paulo, o Triangulo Mineiro, Norte e Noroeste de Minas Gerais as máximas passam de 35°C com índices de umidade relativa do ar inferiores a 20%. 

Amanhã, o tempo seguirá ensolarado na maior parte da região e o calor se intensifica no interior de São Paulo e Sudoeste de Minas Gerais com marcas que poderão ficar perto dos 40°C. Entre o Rio de Janeiro e o Espírito Santo, o sol aparece entre nuvens entre a terça e a quarta com máximas ao redor de 30°C. Nesta quarta, o vento circular de Leste eleva um pouco de umidade ao Leste da região com previsão de variação de nuvens para a Metade Leste de São Paulo, incluindo a Capital,  e também no Sul de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Já no interior da região, especialmente no Oeste e Noroeste de São Paulo e Oeste de Minas Gerais o quadro é de alerta e a secura do ar se mantém com índices perto de 10% e  calor com marcas pontuais ao redor de 40°C.

Entre a quinta e a sexta-feira os modelos indicam ar extremamente quente e seco no Oeste de São Paulo e interior de Minas Gerais com um número maior de cidades com marcas de temperatura ao redor de 40°C e índices de baixa umidade relativa do ar que poderão seguir ao redor de 10%, o que associado ao calor eleva  muito o risco de queimadas na região.  No setor Leste da região, entre o Espírito Santo e o Rio de Janeiro o sol aparece entre nuvens e faz calor.

Centro-Oeste 

O quadro é alarmante no Centro- Oeste do país no restante desta semana. A estação seca se prolonga e dá continuidade a um padrão de desconforto a população e de risco de incêndios de grandes proporções. A combinação de muitas semanas sem chuva, com a secura do ar e dias seguidos de índices de umidade ao redor de 10% deixa a região em situação crítica para o alto risco de incêndios. 

O que preocupa não é só o curto prazo e sim a previsão somada ao histórico das ultimas semanas. Haverá o predomínio de uma intensa massa de ar seco que irá propiciar mais uma sequência de dias de sol, baixa umidade relativa do ar e calor mais intenso que o normal para está época do ano.  Entre a terça e a sexta-feira não há previsão de uma gota sequer de chuva de forma geral com previsão de dias e noites de céu claro e a temperatura alcança e passa de marcas de 40°C, especialmente no Norte de Mato Grosso e em pontos do Mato Grosso do Sul. Muitas serão as cidades com maximas ao redor e acima de 35°C de temperatura.

Nordeste 

O restante da semana terá a manutenção de uma intensa massa de ar seco no interior da região com previsão de tempo firme com sol, sobretudo no Agreste e Sertão. O calor persiste com marcas de temperatura que deverão passar dos 35°C no Piauí e no Maranhão, áreas que terão baixos índices de úmida relativa do ar, com previsão de marcas abaixo de 20%.  Hoje, o sol aparece entre grande parte do Litoral Nordestino com alguns períodos de nuvens. A exceção é o litoral Norte da Bahia, Sergipe e Alagoas que poderão registrar pancadas de chuva. Já entre a quarta-feira e a sexta os prognósticos indicam mais umidade chegando do mar e favorecendo pancadas de chuva em toda a faixa litorânea desde a Bahia até o Rio Grande do Norte. Com as  nuvens e a possibilidade de chuva, apesar do abafamento, a temperatura não subir muito. 

Norte 

Os a modelos atmosféricos indicam que a umidade começa a se espalhar mais pela região indicando uma gradativa mudança no padrão atmosférico que poderá beneficiar mais áreas com umidade e chuva, mas ainda sem acumulados muito altos. Entre esta terça e a quinta-feira, a instabilidade ficará mais restrita ao Norte e Oeste da região com possibilidade de eventos isolados de chuva forte no Amapá e Roraima. Entre o Acre e o interior do Amazonas podem ocorrer pancadas de chuva com baixos acumulados. Já nos estados de Rondônia e Tocantins dia será ensolarado, seco e quente. 

Em grande parte do Pará e no Sul e Leste do Amazonas, o tempo segue firme também. Entre a sexta e o sábado as nuvens se espalham mais pela região alcançando o Sul do Amazonas, pontos isolados de Rondônia e áreas da Metade Sul do Pará, mas sem acumulados expressivos de chuva na maior parte dos locais. 

Atenção ao calor que será intenso especialmente no Sul do Amazonas e Rondônia nesta primeira metade da semana em que as marcas de temperatura poderão ficar ao redor de 40°C. A umidade seguirá baixa a semana inteira em Tocantins com índices ao redor de 10% em alguns dias e da mesma forma em Rondônia e Sul do Pará com índices abaixo de 30%.

Anúncios