André Tambucci/Fotos públicas

A MetSul alerta em sua previsão do tempo que este fim de semana será escaldante na cidade de São Paulo e no interior paulista com probabilidade de ser atingida a maior máxima do ano na capital paulista e em outras cidades do estado. Os termômetros podem marcar 35ºC neste sábado na cidade de São Paulo. A previsão para o domingo é de 34ºC. Na segunda, o calor cede e não se descarta até chuva antes do fim do dia. No interior de São Paulo, as máximas devem ser ainda mais altas com máximas ao redor de 40ºC e possivelmente até superiores em alguns pontos.

Não é incomum que o dia mais quente do ano ocorra em pleno inverno. Setembro faz parte da temporada seca e já marca o começo da primavera climática. No verão, quando há ar muito quente, existe maior presença de umidade na atmosfera e o tempo à tarde se instabiliza com chuva e temporais, frustrando maior aquecimento. Por isso, nesta época de tempo seco a temperatura consegue se elevar mais.


O calor muito intenso e o tempo bastante seco vão trazer índices de fogo extremos com um risco altíssimo de queimadas no estado de São Paulo neste fim de semana. Qualquer foco de fogo pode rapidamente se alastrar e sair do controle, transformando-se em um grande incêndio. Nos primeiros onze dias do mês, o estado de São Paulo registrou 832 focos de calor. O número já supera a média histórica de queimadas do mês de 796.

Os moradores de São Paulo têm presenciado fumaça sobre a cidade e até relatam o odor de vegetação queimada. Isso se explica pelas queimadas que estão ocorrendo no estado de São Paulo, mas também porque a fumaça das queimadas na Amazônia e no Pantanal estão chegando ao estado paulista por correntes de vento na atmosfera.