Anúncios

Prefeitura do Rio de Janeiro

O Sudeste do Brasil terá predomínio do tempo seco, calor e baixa umidade do ar hoje e nos próximos dias.

Com efeito, a chuva aparece apenas de modo isolado e com temporais pontuais, sobretudo no período da tarde.


Entre esta terça (23) e sexta-feira (26), o tempo terá sol e temperaturas elevadas em todas as áreas da Região Sudeste.

Em São Paulo, Rio de Janeiro, Sul de Minas Gerais e no Sul do Espírito Santo, a nebulosidade aumenta durante as tardes. A previsão é de pancadas de chuva e temporais em pontos isolados.

As altas temperaturas também marcam presença. As máximas ficam acima dos 30ºC em grande parte da região e ultrapassam os 35ºC no Norte de Minas.

A MetSul alerta para baixa umidade do ar no Norte de São Paulo, Oeste e Centro-Norte mineiro. Em alguns municípios destas localidades os valores podem ser inferiores a 40%.

O tempo seco, com efeito, se dá devido a atuação de um sistema chamado de bloqueio atmosférico.

O que é um bloqueio atmosférico e o que ele causa?

Bloqueio atmosférico está associado a uma configuração que altera a circulação atmosférica padrão sobre a região afetada. O efeito mais comum, portanto, é impedir que as frentes frias avancem. Portanto, o bloqueio gera uma área de pouca chuva e outra de muita chuva. Seca no Sudeste ao passo que chove mais no Sul do Brasil. 

Tendência 

No fim de semana, a área com chance de chuva diminui ainda mais no Sudeste. A aproximação de uma frente fria, que será responsável pela quebra do evento de bloqueio, concentra a umidade ainda mais no Sul do Brasil.

Com isso, tanto o sábado (27) quanto o domingo (28) também serão de sol, poucas nuvens, calor e umidade muito baixa.

A temperatura superará 30ºC em grande parte da região com máxima em torno de 35ºC no Centro-Norte paulista e 38ºC no Norte mineiro. 

Este calor é atípico para o inicio do outono e deve registrar valores em torno de 10ºC acima do padrão para a época.


Por fim, a chuva pode aparecer no final de domingo no Sul e Leste de São Paulo, com possibilidade para temporais. Isso em função de uma área de baixa pressão e aumento da umidade na costa com a brisa marítima encontrando o ar quente. 

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Anúncios