Anúncios

A MetSul Meteorologia adverte para um episódio de chuva excessiva no Sudeste do Brasil com risco de alagamentos e deslizamentos de terra, atingindo São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo.

A semana começa sob influência de uma frente fria que traz muitas nuvens em todo o Leste da Região Sudeste do Brasil com reforço da instabilidade pela passagem de um cavado (área de menor pressão atmosférica) na terça-feira. 

Além da chuva intermitente e por vezes forte a torrencial, alerta-se para o risco de temporais isolados. Atenção principalmente no Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira do ao Sul de Minas Gerais, Litoral Norte de São Paulo e o estado do Rio de Janeiro. 


Em parte da Serra do Mar, em áreas costeiras e muitas localidades do estado do Rio de Janeiro, os volumes de precipitação deverão ser muito altos com potencial de alagamentos em áreas urbanas e deslizamentos de terra em trechos de Serra. A região serrana do Rio de Janeiro, a capital fluminense, o Sul capixaba e o Litoral Norte de São Paulo são as regiões que mais preocupam pelo excesso de chuva indicado pelos modelos numéricos analisados pela MetSul. 

Ressaltamos que na terça poderá chover forte também no Sul do Espírito Santo. Na quarta-feira ainda chove, porém com baixos acumulados. Mesmo com chuva menos volumosa na quarta há risco ainda para os trechos de Serra. 

A chuva projetada pelos modelos atmosféricos para este começo de semana indicam volumes ao redor de 100 a 150 mm em alguns pontos, mas a MetSul considera provável que pelo efeito orográfico (relevo) alguns pontos tenham de 200 mm a 300 mm. 

 

Anúncios