Anúncios

O final da última semana teve um grande ciclone no Atlântico Sul que foi responsável por trazer ventania, ar frio e forte ressaca do mar. Agora, no decorrer desta semana, novamente um grande ciclone extratropical no Atlântico influenciará o tempo.

Esse novo ciclone atuará mais distante do continente que o último, mas será maior em dimensão. Por isso, deve trazer tempo ventoso em alguns momentos no Sul do Brasil, mas não com a força das rajadas do último que ficaram perto dos 100 km/h em Santa Vitória do Palmar. Os litorais de São Paulo e do Rio de Janeiro podem experimentar vento mais intenso.

A nova tempestade no oceano deve ser responsável por mais uma ressaca do mar nos litorais do Sul e do Sudeste do Brasil. Não deve ser tão forte quanto a última no Sul, mas no Sudeste algumas praias devem ter ondas mais altas. 


Na segunda metade da semana, a circulação de umidade deve trazer chuva para o Leste do Sul do Brasil, em áreas perto da costa, inclusive Porto Alegre. A instabilidade deve ocorrer principalmente na quinta e na sexta-feira, mas em alguns pontos ainda no sábado. Alertamos que a circulação marítima do ciclone com ar frio pode gerar chuva localmente orográfica excessiva em áreas costeiras do Sudeste, incluindo o Rio de Janeiro, com riscos para a população.

Anúncios