Anúncios

O forte vento Norte, com rajadas perto de 100 km/h em algumas regiões como o Centro do Estado, provoca transtornos e estragos.

Martin Behretend/Divulgação

Na manhã desta quinta-feira, parte do telhado da Prefeitura de Nova Hartz foi arrancado pela força do vento. Segundo o portal Martin Behrend, ninguém teria se ferido. O expediente foi interrompido e os Bombeiros Voluntários atenderam a ocorrência retirando muitas partes da estrutura do telhado que ficaram soltas e que representavam perigo de voar e atingir alguma casa no entorno.


Prefeitura de Dois Irmãos

Em Dois Irmãos, a forte ventania do quadrante Norte desta quinta-feira derrubou árvores pela cidade. Equipes da Prefeitura trabalham nas ruas para recolher as árvores tombadas em vias públicas. A MetSul teve relatos ainda de destelhamentos em Novo Hamburgo. 

Em Santa Maria, onde as rajadas chegaram a 94,5 km/h no começo da manhã, houve queda de árvores e a Defesa Civil recebeu solicitações de lonas em razão de destelhamentos. 

A RGE Sul informou que 9 mil clientes de Santa Maria estão sem luz devido à ventania. Os locais mais afetados são os bairros Lorenzi e Salgado Filho, além das vilas Marechal Mallet, no Bairro Passo D’Areia, e Plátano, no Bairro Duque de Caxias. Em nota, aRGE afirma que equipes da empresa estão trabalhando para normalizar o fornecimento de energia aos clientes afetados o mais breve possível, mas não estipulou um prazo para a normalização.

Uma intensa corrente de jato em baixos níveis da atmosfera, um corredor de vento a cerca de 1500 metros de altitude, que se origina na Bolívia e desce até o Sul do Brasil, atua no Rio Grande do Sul nesta quinta e traz o intenso vento do quadrante Norte quente e seco. 

Anúncios