Anúncios

A passagem de uma frente fria pelo Rio Grande do Sul durante a terça-feira trouxe chuva irregular na maior parte do Estado e com baixos volumes em grande parte dos municípios gaúchos. Apesar disso, houve o registro de alguns temporais que se concentrara no Nordeste gaúcho, particularmente entre a Serra e o Litoral Norte.

Houve queda de granizo em municípios do Vale do Paranhana (foto) e na Serra Gaúcha. Na região de Canela, o granizo foi miúdo. Já em municípios como Nova Pádua e Flores da Cunha, as pedras de gelo de maior diâmetro causaram danos em parreirais. Caiu muito granizo ainda em Santo Antonio da Patrulha.


Foram ocorrências isoladas, já que a atmosfera sobre o Nordeste do Estado encontrava-se mais quente e propícia à formação de nuvens de maior desenvolvimento vertical em que se origina o granizo. E, além do granizo, a frente trouxe acentuado declínio da temperatura.


Esfriou muito ontem no Sul gaúcho com a chegada do sistema frontal. Às 19h, quando do fim da tarde, fazia somente 11ºC em Canguçu e 14ºC em Pelotas a um mês do começo do verão. Essa massa de ar frio, responsável pela forte queda da temperatura ontem em parte do Estado, hoje deverá garantir a melhora do tempo no Rio Grande do Sul e proporcionará a presença do sol ainda amanhã e sexta.

Com o ar seco e frio, os gaúchos terão temperatura bastante baixa para essa época do ano na madrugada e o amanhecer da quinta-feira. Marcas abaixo de 10ºC são esperadas na Grande Porto Alegre e a MetSul não descarta geada em pontos altos do Estado, especialmente em áreas de baixada de áreas como o Alto da Serra do Botucaraí, Planalto Médio, Serra e Campos de Cima da Serra.

Anúncios