Anúncios

Rosinara Ferreira

Pancadas de chuva foram registradas tanto no sábado como ontem na maioria das áreas do Rio Grande do Sul com temporais muito localizados. Mais municípios registraram precipitação ontem que no sábado, mas, como esperado, a distribuição da chuva foi um tanto irregular com enorme variabilidade de volumes.

 


Houve locais com acumulados de mais de 50 mm e pontos próximos pouco ou nada tiveram de chuva. Por isso, dizíamos na coluna de sábado que a instabilidade atenuaria o quadro de estiagem em alguns locais do Estado, mas não reverteria a situação ou teria impacto menor em outros.

 

A chuva irá seguir bastante irregular no Rio Grande do Sul nos próximos sete a dez dias, portanto a perspectiva é que as localidades que tiveram pouco ou nada de chuva tenham o quadro de déficit hídrico agravado. Nem tudo é notícia ruim. Os dados indicam que no Norte do Estado e até em pontos do Centro e do Oeste gaúcho os volumes de chuva podem ser muito satisfatórios nos próximos dez dias.


 

O modelo europeu, por exemplo, indica para vários pontos do Norte gaúcho acumulados próximos ou acima de 100 mm no período. Regiões como o Médio e o Alto Uruguai, o Planalto Médio, Alto Jacuí e dos Aparados seriam beneficiadas por chuva mais freqüente e volumosa. Já na Metade Sul e parte do Leste do Estado, as precipitações seguiriam mais escassas.

Anúncios