Anúncios

Forte temporal desabou sobre a cidade de Florianópolis com chuva intensa, rajadas de vento e queda de granizo entre 15h e 16h. Caiu granizo em vários pontos da capital catarinense e a chuva foi localmente intensa. A virada do tempo foi muito rápida com o avanço de nuvens de grande desenvolvimento sobre a capital catarinense.

Temporal de granizo em Florianópolis interrompeu o treino do time do Figueirense que ocorria no Estádio Orlando Scarpelli em preparação para a partida deste sábado contra o Manaus. O gramado do estádio ficou coberto de pedras de gelo. | PATRICK FLORIANI/FIGUEIRENSE/DIVULGAÇÃO

O Aeroporto de Florianópolis, em boletim meteorológico metar especial, reportou chuva forte com rajadas de vento de 60 km/h e queda de granizo. Os maiores volumes de chuva em estações meteorológicas se concentraram em São José e na área central da cidade durante o temporal.


A Prefeitura da capital catarinense informou por suas redes sociais que “a Defesa Civil de Florianópolis está monitorando as fortes tempestades atingindo a cidade neste momento” e acrescentou que “a previsão é que a chuva continue pelas próximas horas”.

Foi tanto granizo em alguns pontos que as pedras se acumularam nas ruas e gramados de casas. Os altos volumes de chuva ainda causaram pontos de alagamento e correnteza em ruas da área central da cidade.


Além dos alagamentos, o temporal de chuva forte e granizo causou alguns outros transtornos na cidade de Florianópolis. Vazamento pelo telhado, por exemplo, trouxe muita água para dentro da biblioteca da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Por que o temporal em Florianópolis? Este é o terceiro dia seguido com temporal no Sul do Brasil. Entre terça e ontem, perto de 70 cidades gaúchas tiveram queda de granizo e voltou a se precipitar granizo hoje no Nordeste gaúcho, inclusive na Grande Porto Alegre.

Efeito de uma frente fria que avança pelo Sul do Brasil e chegou nesta quinta-feira ao estado de Santa Catarina, trazendo temporais de vento e granizo principalmente para cidades do Leste do estado.

A imagem do satélite meteorológico GOES-16 processada pela MetSul Meteorologia para o estado de Santa Catarina mostrava nuvens muito carregadas sobre a região de Florianópolis no momento em que houve o forte temporal em Florianópolis.

A tempestade não é surpresa. A MetSul alertava desde o domingo e reforçou o aviso hoje cedo que Santa Catarina teria um alto risco de temporais nesta quinta. A possibilidade de tempo severo prossegue e novos temporais de vento e granizo devem ser esperados no estado no restante do dia de hoje e ainda amanhã.

Anúncios