Anúncios

Elza Fiúza/Agência Brasil/EBC

Várias regiões devem ter chuva e temporais neste domingo de eleições, influenciando os índices de abstenção que já serão impactados neste ano devido à epidemia. Veja a tendência para o domingo eleitoral em todas as regiões do país. 

Sul 


Uma frente fria se aproxima do Sul do país durante o domingo e promove aumento de nuvens desde cedo em toda a região. Em geral, o sol se alterna com períodos de maior nebulosidade. Chove no decorrer do dia nos três estados do Sul e há risco de pancadas fortes e temporais isolados, como no Oeste do Paraná.  No Rio Grande do Sul com as nuvens e a instabilidade avançando desde cedo, a temperatura sobe menos que no sábado, porém a sensação será de intenso abafamento, o que se repete nos territórios catarinense e paranaense. A chuva será muito irregular durante o domingo no território gaúcho e em alguns locais sequer deve chover, mas, isoladamente, pode ter chuva forte com risco de temporais. 

 

Sudeste 

Em grande parte da região a projeção é de um dia abafado com umidade que garante a presença de nuvens, porém o sol aparece e gera aquecimento o que poderá propiciar pancadas isoladas de chuva e temporais isolados. No estado de São Paulo, o tempo fica mais aberto com predomínio de sol durante o dia e a chuva ocorre de forma isolada no fim do dia, sobretudo, no Sul e Oeste. No Norte do Estado e em parte do Leste, inclusive na Capital, em geral o tempo fica seco. No Rio de Janeiro e no Espírito Santo a previsão é de nuvens com  aberturas de sol que traz acentuado abafamento com maior potencial de chuva e temporais isolados. Já em Minas Gerais a instabilidade se concentra mais na Metade Norte do Estado, onde a chuva tende a ser mais volumosa com temporais que poderão ser fortes com transtornos. As maiores marcas de temperatura deverão ocorrer no interior do estado São Paulo com 36 a 38°C.

Centro-Oeste 

Dia de eleições será de instabilidade e abafamento em todo o Centro-Oeste do país, apesar de o sol aparecer em muitos locais. Em Goiás e no Distrito federal, modelos projetam muitas nuvens e marcas ao redor de 30°C com pancadas de chuva que poderão ocorrer a qualquer hora do dia. Já em Mato Grosso o sol aparece o calor será intenso com marcas ao redor de 40°C. A chuva ocorre, porém de forma isolada a tarde e com risco de temporais isolados e não chega a aliviar o calor. Em Mato Grosso do Sul, o sol aparece entre nuvens e as pancadas de chuva se espalham a tarde, com previsão de chuva mais volumosa no Sul do Estado.

Nordeste 

De todas as regiões do Brasil, o Nordeste é a que tem menor potencial de chuva no domingo de eleições. Os modelos projetam um dia de sol e intenso calor em grande parte dos estados do Nordeste, especialmente no interio. As máximas irão oscilar ao redor de 35°C a 37°C entre o Sertão e o Agreste. Entre a zona da Mata e o litoral as nuvens aparecem em alguns momentos e pancadas rápidas e isoladas de chuva poderão ocorrer. Nas cidades do Sul da Bahia e na divisa com Minas Gerais poderá chover forte com temporais isolados.


Norte

O sol aparece em grande parte do domingo com previsão de calor típico desta época do ano. A instabilidade ocorre mais à tarde na forma de pancadas isoladas. Pode chover forte em alguns pontos, especialmente do extremo Norte, entre Roraima e parte do Amazonas. Nas demais regiões, o tempo fica abafado com variação de nuvens e sol pela manhã com chuva isolada à tarde. Em parte do Norte do Pará e do Leste de Tocantins é baixo potencial de instabilidade. As maiores máximas da região devem ocorrer no Sudeste de Tocantins com marcas ao redor de 40°C.

Anúncios