Anúncios

Um episódio muito localizado de chuva extrema causou destruição no limite de Bom Princípio e São Vendelino na noite de ontem (2). As imagens dos estragos lembram a de um terremoto.


A precipitação que desabou sobre a região gerou correnteza que chegou a virar carros. Na comunidade de Piedade, na divisa dos municípios de Bom Princípio e São Vendelino, os estragos foram significativos com o asfalto recém contruído destruído pela força da água. 

Moradores da região contam que a correnteza da água chegou a arrastar uma mulher, que teve que ser socorrida por familiares. Não houve vítimas. 

A enxurrada provocou um deslizamento de terra na altura do quilômetro 36 da RS-122, em São Vendelino. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, houve bloqueio parcial nos dois sentidos da via na manhã desta quarta-feira (3). 


Técnicos do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (DAER) e da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) trabalham na limpeza do trecho no decorrer do dia.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

Estação meteorológica automática no município de São Vendelino registrou apenas 23 mm, logo choveu muito mais em pontos distintos da estação na localidade para que ocorressem danos tão extensos, o que é corroborado por uma medição de estação hidrológica da CPRM que acusou quase 90 mm. A MetSul havia alertado para o risco de chuva extrema isolada. 

Anúncios