As mesmas áreas de instabilidade que atingiram a Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul no começo deste domingo trouxeram estragos também no lado argentino. Na província de Corrientes, que faz fronteira com o Oeste gaúcho, os estragos foram consideráveis na localidade de Santa Lucía com queda de cem postes e destruição de silos.


O risco de temporais segue na região no restante deste domingo e no começo da segunda-feira, mas desta vez mais concentrado no Norte de Corrientes e na província de Misiones, que faz fronteira com o Noroeste gaúcho e o Oeste de Santa Catarina e do Paraná.