Anúncios

Violentas tempestades atingiram estados do Norte dos Estados Unidos em fenômeno que é conhecido como Derecho que traz vento violento por centenas de quilômetros | BRANDON BELL/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/AFP/ARQUIVO METSUL

Um fenômeno conhecido como derecho espalhou destruição por estados do Meio-Oeste e do Norte dos Estados Unidos nas últimas horas com vento destrutivo que atingiu força de furacão em diversas cidades. As tempestades severas varreram o Norte do Meio-Oeste com vento que em alguns pontos passou dos 160 km/h, gerando tempestades de poeira conhecidas como haboob.


Conforme o Washington Post, o Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos teve mais de 200 relatos de ventos destrutivos com danos estruturais significativos de uma faixa dos estados do Kansas ao Wisconsin, mas os danos mais graves se concentraram em um corredor do Leste do estado de Nebraska ao Sudoeste de Minnesota, incluindo o Leste de Dakota do Sul e o Noroeste de Iowa.  O jornal Minneapolis Star Tribune informou que uma pessoa morreu no condado de Kandiyohi, Minnesota, que fica a cerca de 130 quilômetros a Oeste de Minneapolis.

A nuvem de poeira trouxe imagens que lembraram o Dust Bowl da década de 1930, quando tempestades de poeira imensas atingiram vários estados pela seca excepcional e o solo muito degradado pela exploração desordenada da agricultura. Os “haboob” atingiram diversas cidades, fazendo o dia virar noite.

A rajada de vento mais extrema da noite, de 172 km/h, foi registrada no condado de Hutchinson, Dakota do Sul, a cerca de 80 quilômetros da cidade de Sioux Falls. Estações registraram ainda 164 km/h em Deuel County (Dakota do Sul), 156 km/h em Madison (Dakota do Sul), 154 km/h em Wentworth (Dakota do Sul), 151 km/h em Madison (Minnesota), e 143 km/h em Ord (Nebraska).

Conforme o Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos (NWD), os ventos destrutivos associados ao derecho arrancaram árvores, derrubaram fios, cercas, destelharam casas e prédios, destruíram silos e celeiros, e deixaram dezenas de milhares de pessoas sem luz nos estados afetados.

O que é Derecho

Derechos podem não ser tão conhecidos como furacões ou tornados, mas essas tempestades raras podem ser tão poderosas e destrutivas. São mais comuns na primavera e no verão no Centro e no Leste dos Estados Unidos. O fenômeno produz uma linha de vento destrutivo que avança por longas distâncias e várias horas. Em 10 de agosto de 2020, um derecho varreu o Centro-Oeste de Dakota do Sul a Ohio, percorrendo 1.200 quilômetros em 14 horas.

O termo derecho foi cunhado em 1888 por Gustavus Hinrichs, um professor de física da Universidade de Iowa que procurou distinguir esses ventos retos das rajadas de um tornado. Embora o termo tenha desaparecido logo depois, os meteorologistas da Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera (NOAA) o ressuscitaram cem anos depois.

A expressão derecho entrou no domínio público em 2012, quando um dos derechos mais destrutivos da história deixou rastro de destruição por cerca de 1.100 quilômetros do estado de Ohio até a costa norte-americana, matando 22 pessoas e causando sérios danos em áreas metropolitanas, incluindo Chicago e Washington.

A NOAA define oficialmente um derecho como “uma tempestade de vento generalizada e de longa duração que está associada a uma banda de chuvas ou tempestades que se movem rapidamente”. Para que uma faixa de tempestades seja classificada como derecho, ela deve viajar pelo menos 386 quilômetros e se mover a velocidades de pelo menos 93 km/h, embora os ventos sejam geralmente mais fortes. O derecho do Meio-Oeste de agosto de 2020 teve ventos de até 180 km/h e é considerado um dos piores da histórica recente.

Anúncios