Anúncios

Maria Paula Malta

O avanço de ar mais seco da Argentina e do Uruguai traz tempo firme na maior parte do Rio Grande do Sul nesta segunda-feira. O sol aparece com nuvens em todas as regiões, mas algumas áreas devem ter períodos de maior nebulosidade. O fluxo de umidade que vem do oceano, por exemplo, pode trazer mais nuvens em parte do dia no Leste gaúcho. A possibilidade de chuva se restringe mais a pontos muito isolados da Metade Norte e do Leste do Estado. A temperatura estará agradável para janeiro e a próxima noite vai ter resfriamento mais acentuado com mínimas baixas no amanhecer da terça.


Na terça-feira, o sol predomina no Rio Grande do Sul com um amanhecer bem ameno e marcas agradáveis à tarde. Perto da costa, especialmente no Litoral Norte, haverá mais nuvens e instabilidade em alguns pontos. Na quarta, o cenário pouco se altera com o predomínio do sol no Estado e instabilidade isolada na costa, especialmente no Litoral Norte. A quinta-feira deve ter sol no território gaúcho, mas no Litoral Norte, sobretudo perto de Torres, ainda pode ser registrada instabilidade. Na sexta, o dia será ensolarado com baixa probabilidade de chuva mesmo isolada.


Santa Catarina e o Paraná têm mais nuvens ainda nesta segunda, apesar de o sol aparecer em pontos dos dois estados. Pancadas de chuva são esperadas na maioria das regiões catarinenses e paranaenses, especialmente da tarde para a noite. Na terça, o sol aparece com nuvens na maioria das regiões de Santa Catarina, mas no Leste do Estado haverá pancadas isoladas de chuva. No Paraná, várias áreas seguem com mais nuvens e pancadas de chuva principalmente entre a tarde e a noite. A quarta tem sol e nuvens na maior parte de Santa Catarina e do Paraná, mas áreas perto da costa, no Leste, seguem com mais nuvens e chance de precipitação isolada. No Oeste e no Noroeste do Paraná também pode chover. Na quinta, predomínio de sol e nuvens com possibilidade ainda de mais nuvens e precipitação em pontos do Leste catarinense e paranaense. Na sexta, o sol marca presença e qualquer instabilidade em Santa Catarina e no Paraná será muito isolada.

Anúncios