Anúncios

Serra Gaúcha (foto) terá instabilidade e alta umidade com pontos de neblina durante a sexta-feira e sem previsão de repetir o frio intenso da Páscoa | EDIMILSON WATZLAVICK

A chuva retorna ao Sul do Brasil no feriado desta quinta-feira depois de vários dias em que o sol predominou por conta da massa de ar seco e frio de alta pressão atmosférica que ingressou durante o feriadão da Páscoa, trazendo geada e temperatura baixa

A instabilidade nesta segunda metade da semana vai afetar os três estados do Sul do Brasil, mas os volumes de chuva devem ser baixos na maioria das localidades gaúchas. A tendência é de precipitações irregulares no Rio Grande do Sul.


A chuva que retorna neste feriado, é importante destacar, não precede um novo episódio de frio. Não haverá queda da temperatura seguindo-se à instabilidade. Ao contrário, a temperatura no fim de semana deve estar parecida com as registradas à tarde antes da instabilidade e pode até se elevar.

Os maiores acumulados de chuva devem ocorrer no extremo Noroeste do Rio Grande do Sul e em parte de Santa Catarina e do Paraná. Em algumas cidades catarinenses e paranaenses, os volumes podem atingir de 50 mm a 75 mm com registros isoladamente superiores.


O Oeste de Santa Catarina e o Sudoeste do Paraná tendem a ter os maiores volumes de chuva neste evento de instabilidade. O Sul catarinense e o Leste paranaense devem repetir o padrão da maior parte do Rio Grande do Sul de chuva escassa ou com baixos volumes.

Os mapas abaixo mostram as projeções de chuva para quinta e sexta-feira do modelo meteorológico alemão Icon, disponível ao assinante na seção de mapas. Observa-se a tendência de na sexta-feira a chuva ser mais generalizada no Sul do Brasil.

O sol aparece com nuvens no Rio Grande do Sul no feriado, mas com aumento da cobertura de nebulosidade no decorrer do dia. O tempo se instabiliza com chuva em vários pontos da Metade Norte com a instabilidade afetando mais da tarde para a noite o Noroeste e o Norte gaúcho. No Sul e na Campanha, chance de chuva isolada.

Em Porto Alegre, a quinta-feira terá a presença de sol e nuvens. A cobertura de nuvens vai aumentar no decorrer do dia, especialmente da tarde para a noite. Não se descarta que a chuva chegue no final do dia, mas o mais provável é a instabilidade atuando na capital a região metropolitana na sexta, quando são esperadas muitas nuvens.

A instabilidade se afasta e a nebulosidade diminui no sábado no estado gaúcho com a presença do sol. Apesar disso, o começo ou parte do dia ainda pode ter instabilidade mais a Nordeste do Rio Grande do Sul, o que inclui a Serra e o Litoral Norte.

Mais ao Norte do Sul do Brasil, no Paraná, o tempo deve seguir instável ainda no sábado em diversas regiões assim como em pontos do Leste de Santa Catarina, sobretudo da região de Joinville e São Francisco do Sul.

Anúncios