Anúncios

Porto Alegre registrava chuva passageira no final da manhã desta terça-feira (3) com a presença de nuvens de maior desenvolvimento vertical do tipo Cumulus que traziam a instabilidade, condição que era antecipada pela MetSul Meteorologia em seu prognóstico.

A instabilidade está associada à circulação de umidade que vem do Oceano Atlântico que se desloca do mar para o continente e alcança o Leste do Rio Grande do Sul. Atuam no Atlântico, um grande sistema de alta pressão ao Sul e que determina a temperatura mais amena e uma baixa pressão ao qual está associada a frente que traz chuva para pontos do Sudeste e do Nordeste do Brasil.

DECEA/FAB

Esta condição de instabilidade passageira com alternância de sol e nuvens com chuva deve permanecer durante grande parte desta semana no Leste gaúcho, o que não significa que em Porto Alegre ou outra cidade qualquer da região vai chover todos os dias desta semana. A chuva vai atingir diferentes cidades da região, conforme o dia.

O mapa acima mostra a projeção de chuva do modelo serviço meteorológico alemão para esta semana no Sul do Brasil e que está disponível ao assinante na seção de mapas com quatro atualizações diárias. Como se observa no mapa, a instabilidade nesta semana deve se concentrar em áreas próximas da costa, no Leste dos três estados do Sul.

Anúncios