Anúncios

Frente fria provocou chuva generalizada ontem no Uruguai com o maior volume entre as estações climatológicas em Florida, onde até 9h de hoje choveu 51 mm. Até a mesma hora caíram em 24 horas 34 mm em Rocha e 17 mm em Carrasco e no Prado, na área de Montevidéu. A frente fria responsável pela chuva é de lento deslocamento e alcançou o Sul e o Oeste do Rio Grande do Sul ainda na madrugada com chuva. Choveu até 16h hoje 37 mm em Uruguaiana, 24 mm no Chuí e 21 mm em Quaraí. A instabilidade poderá afetar nesta noite o Noroeste e do Centro do Estado de forma mais localizada, mas será neste sábado que domina o Rio Grande do Sul (projeções abaixo do modelo Europeu para sábado de manhã e domingo de manhã).




Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

O sábado começa com chuva na maioria das regiões. Durante o dia, porém, a chuva provocada pela frente fria será maior na Metade Norte, especialmente entre o Centro e o Norte do Estado. A temperatura estará menor, mas não ainda faz frio. Pontos localizados podem ter chuva forte. O tempo começa a melhorar já neste sábado na fronteira com o Uruguai, no Extremo Sul gaúcho e no Sudoeste do Estado. Já o domingo começa com nuvens e chuva na Metade Norte, mas tempo mais aberto na Metade Sul. No decorrer do dia, melhora em grande parte do Estado com o ingresso de ar mais seco e frio. Isso deve permitir que o tempo esteja melhor durante o primeiro jogo do Grêmio à tarde na Arena.  O domingo terá frio na madrugada e no final do dia no Sul e no Sudoeste, mas nas demais regiões esfriará mesmo mais à noite. A segunda e a terça-feira devem ser dias de sol aqui no Rio Grande do Sul com madrugadas frias, e de geada na Serra, e tardes agradáveis.  

Anúncios