Anúncios

O sol predomina no Rio Grande do Sul nesta sexta-feira, mas o fim de semana reserva mudança no tempo com o retorno da chuva para parte do Estado. A MetSul, entretanto, alerta que mais uma vez a chuva deve “falhar” em grande número de cidades e na maior parte dos municípios onde chover as precipitações não serão volumosas, o que piora ainda mais a situação do campo nesta fase de semeadura da safra de verão.

Neste sábado, áreas de instabilidade ingressam pelo Oeste do Rio Grande do Sul com chuva que, isoladamente, pode ser forte e possibilidade de tempestades localizadas. A instabilidade, ao se deslocar pelo território gaúcho no final do sábado e ao longo do domingo, deve enfraquecer e perder ainda mais organização, o que fará da chuva muito irregular a ponto de em grande número de locais sequer chover neste fim de semana. Como a atmosfera estará aquecida, nos lugares em que ocorrer instabilidade, não se pode afastar um temporal ou outro isolado.

O mapa acima mostra a projeção de chuva de hoje até domingo no Sul do Brasil a partir da saída da 0Z de hoje do modelo alemão Icon, um dos vários modelos de precipitação disponíveis ao assinante na seção de mapas com diversas atualizações ao longo do dia.

Esta condição de chuva muito irregular e falha preocupa porque já existem áreas do Rio Grande do Sul, especialmente do Noroeste e do Norte do Estado, se ressentindo com déficit hídrico e com dificuldades de plantio da safra de verão. Um novo evento de chuva muito irregular, sem precipitações amplas e volumosas, o que poderia se esperar normalmente em outubro, deve agravar a situação em diversos locais.

Anúncios